Drag queen? Elton John chamava Freddie Mercury por nome bizarro

Publicado em 4/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Elton John recentemente escreveu diversos elogios ao Divine, ator e drag queen no Sunday Times – o artigo é uma das contribuições muitas celebridades fizeram a Jack Guinness, para a sua próxima novo livro ‘The Queer Bible’. 

Para o músico britânico Divine é um ícone da comunidade LGBTQIA+ e sua contribuição para o livro, Elton John falou de seu amor por toda a cultura drag, a cuja cena londrina foi apresentado por John Reid, seu empresário e amante, após o seu público descobrir de sua homossexualidade. Foi assim que ele conheceu Divine e se tornou amigo, entre outros, de Freddie Mercury . 

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA MAIS: RICA! Luísa Sonza revela que novo clipe custou R$ 1 milhão

Elton John lembrou como era a norma dentro desses círculos dar nomes a outras drags:

“De certa forma, dar a alguém um nome de arrasto é uma forma de dizer que você a ama. Meu nome se tornou ‘Sharon’, porque eu era muito comum. Rod Stewart sempre foi ‘Phyllis’. Freddie Mercury tornou-se ‘Melina’ em memória de Melina Mercouri, a atriz e cantora grega. Ela era uma verdadeira Melina, garanto-lhe. John Lennon se tornou ‘Carol Dakota’, em homenagem ao prédio de Nova York onde morava, o Dakota.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio