Duda Reis sobre Nego do Borel: “Falava: odeio pobre, odeio negros”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A vida de Nego do Borel virou de ponta cabeça da noite para o dia. O músico se viu sendo acusado de traição, agressão, abuso psicológico e muito mais, pela sua ex-noiva, Duda Reis.

Nesta quarta-feira (12), a modelo publicou alguns vídeos em seus Stories do Instagram alegando que toda boa ação que o músico fazia era só para ficar bem com o público, ela disse inclusive, que após as filmagens ele falava: “odeio negros, eles fedem”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Cuidado na questão de caridade dele. Porque é tudo uma mentira. Ele faz só para se autopromover. Todas as questões, vídeos com os meninos do sinal, é tudo mentira. Ele parava de gravar e falava: odeio pobre, odeio negros, eles fedem’. Ué, cadê a representatividade? Eu ficava indignada, falava assim: gente, mas são pessoas normais, o que está acontecendo? Porque ele é racista com ele mesmo. Cuidado quando vocês forem aplaudir alguma ação social dele. Porque é sempre assim: ‘Está gravando?’ A fazia uma cena. E quando parava de gravar, tratava todo mal .É só vocês irem nas favelas e perguntarem. É simples”, afirmou Duda em vídeo.

VEJA TAMBÉM: Ex de Biel culpa mãe do cantor por seu comportamento: “Sinto pelo que sua mãe fez com você com apenas 13 anos”

Com isso, surgiu na web um vídeo onde Nego do Borel pede para ser filmado enquanto fala com algumas crianças na rua. Confira abaixo:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio