Eduardo Costa
O cantor mineiro Eduardo Costa (FOTO: Reprodução)

O astro sertanejo Eduardo Costa voltou a causar polêmica com o seu discurso pouco usual sobre o novo coronavírus. Na tarde desta segunda-feira (dia 30), o cantor deu uma entrevista ao ‘Fofocalizando’, do SBT, e admitiu que quer ser infectado pela Covid-19 para imunizar seu corpo e assim se livrando da pandemia.

Eu até acho que eu quero pegar esse coronavírus, porque eu preciso imunizar o meu corpo… eu preciso pegar o vírus, pro meu corpo criar anticorpos, pra eu ficar livre disso”, revelou o músico.

Costa aproveitou o bate-papo para explicar a razão pela qual teceu críticas ferrenhas aos apresentadores Luciano Huck e Rodrigo Faro, chamando-os de hipócritas e frisou que não era momento de usar a saúde para se promover perante a mídia.

VEJA TAMBÉM: Eduardo Costa defende o fim da quarentena: “Vai morrer mais gente por suicídio”

Todo mundo vai pra frente da internet agora fazer propaganda de si mesmo. Eu acho que é um momento muito trágico para poder ficar se fazendo comercial de si próprio… fazer política. É hoje de nós protegermos quem temos que proteger. Não é hora de queremos nos vangloriar com ‘palminhas’ ou com palavrinhas bonitas. É hora de tomar atitude”, justificou Eduardo Costa.

A respeito de Rodrigo Faro, ele explicou que até tem uma afinidade com ele: “O Faro é meu irmão, meu amigo. Eu amo o Rodrigo Faro. Inclusive, eu quero dizer que não tenho nada contra o Faro”.

Já a respeito de Luciano Huck, o mineiro contou que não o conhece pessoalmente e voltou a criticar o posicionamento do global. “Não conheço o Luciano Huck pessoalmente. Acho o cara sensacional, inteligentíssimo. Não concordo com muitas opiniões dele, mas concordo com muitas. Acho que ele é um cara que faz a diferença demais, quando ele quer. Mas nesse momento ‘palmas’ não enchem barriga de ninguém”, disparou o artista.