elza soares
A cantora carioca Elza Soares (FOTO: Reprodução)

Nesta sexta-feira (2), a recém-indicada ao Grammy Latino Elza Soares repete sua dobradinha com Flávio Renegado e lança, pela Deck, sua versão de “Divino Maravilhoso”. A novidade, embalada por beats e timbres modernos, foi feita sob medida para a trilha sonora da minissérie “Amor e Sorte”, da Rede Globo, da qual a música é tema do quarto episódio, “A Beleza Salvará o Mundo”. 

Foto: Divulgação

Fazendo jus ao quê de tropicália presente na música — escrita por Caetano Veloso e Gilberto Gil —, a releitura de “Divino Maravilhoso” traz ritmos estrangeiros como o trap e reggaeton, mesclados ao clássico suingue brasileiro. A produção ficou por conta de Pedro Loureiro ao lado do próprio Flávio Renegado, que gravou todos os instrumentos. Os vocais foram gravados em um único take, com Elza e Flávio juntos. 
Elza Soares segue ativa e, pouco após completar 90 anos, foi agraciada com duas indicações ao Grammy Latino: Melhor Álbum de Música Popular Brasileira por “Planeta Fome” (Deck/ 2019) e Melhor Canção em Língua Portuguesa por seu single “Libertação” (Russo Passapusso).

VEJA MAIS: Música do Detonautas que critica Bolsonaro e esposa bomba em parada do Spotify

Ouça aqui: