Justin-Bieber
O cantor canadense Justin Bieber (FOTO: Reprodução)

Enquanto não volta aos palcos, Justin Bieber continua focado em sua espiritualidade e nas reuniões da igreja.

Nesta quarta-feira (dia 28), o músico canadense aproveitou uma reunião da ChurchONE, num teatro da Califórnia, para dar seu depoimento sobre o que vem enfrentando.

VEJA TAMBÉM: Justin Bieber curte comentário de fã que sugere que ele esqueceu da carreira

O músico então surpreendeu os presentes com um cover de uma canção gospel. Em um dos vídeos, é possível escutar Justin dando uma palhinha de “Never Would Have Made It”, música religiosa do cantor Marvin Sapp.

Confira abaixo:

De acordo com o TMZ, o cantor demorou cerca de dois anos até que decidisse de apresentar numa Igreja. Seu receio era de que sua fé fosse transformada em um espetáculo. “Eu não fiz porque senti que, eu não sei, não queria que as pessoas pensassem que isso é um show”.

Espetáculo ou não, logo depois dos vídeos terem viralizado, o próprio cantor publicou em suas redes sociais, um dos registros do seu momento espiritual. O músico ainda fez um desabafo na legenda da publicação admitindo estar passando por uma fase difícil. “Cantei na igreja na noite passada. Deus está me guiando por tempos difíceis. Acreditar em Jesus nos piores momentos é absolutamente o mais difícil. Mas ele tem fé para completar o que começou. Também quero agradecer minha mulher por ser um grande apoio em minha vida” escreveu o músico.

Justin Bieber não realiza shows desde 2017 e não lança nenhuma música solo desde 2016. Tudo o que foi lançado depois foram parcerias, incluindo “Despacito” (em parceria com Luis Fonsi e Daddy Yankee), “I’m the One” (com DJ Khaled, Quavo, Chance the Rapper e Lil Wayne), “Friends” (Com BloodPop) e “2U” (com David Guetta).

Foram lançadas ainda “No Brainer” (com DJ Khaled, Chance the Rapper e Quavo), “Love Thru the Computer” (com Gucci Mane), “I Don’t Care” (com Ed Sheeran), “Don’t Check On Me” (com Chris Brown e INK) e “Bad Guy – Remix” (com Billie Eilish) que nada mais foram que colaborações em músicas de outros artistas, o que não inclui uma agenda de apresentações.

VEJA TAMBÉM: Após assédio sexual, Taylor Swift toma medida drástica nos encontros com fãs

Numa fase mais reservada e romântica, o TMZ chegou a divulgar uma suposta imagem do convite de casamento do músico e Hailey Bieber. Vale lembrar que Justin chegou a cancelar parte da “Purpose World Tour” em 2017 afirmando que estava sofrendo com depressão e exaustão.

Neste ano, o cantor canadense voltou a declarar que não estava saudável emocionalmente, e por isso o álbum novo estava demorando para ser lançado. O último disco do canadense é de 2015. Tentando ter uma vida mais saudável, ele focou sua vida na família e na religião, afastando-se dos holofotes.