kurt cobain
O cantor norte-americano Kurt Cobain (FOTO: Reprodução)

Em uma entrevista para a Apple Music, divulgada na Alternative Nation, Dave Grohl, baterista do Nirvana, contou sobre o período conturbado em que entrou, após a morte de Kurt Cobain, vocalista da banda.

Ele conta: “Então, depois que Kurt Cobain faleceu, houve um período em que nós todos nos escondemos do mundo e tudo virou de cabeça para baixo. E aí houve tristeza, houve luto. Todos nós nos reunimos. Eu me lembro de encontrar com Krist…e nós dois nos certificando de que estávamos bem. E então eu fui viajar um pouco. Lembro-me de ir… fiz uma viagem ao Reino Unido. Eu não sei, eu apenas dirigia e pensava bastante.

(FOTO: Instagram)

LEIA TAMBÉM: Anitta pode ter revelado nome do próximo álbum em live

E, finalmente comecei a receber ligações de pessoas para perguntar se eu queria tocar bateria com eles ou me juntar a outra banda, e eu simplesmente não conseguia ver isso acontecendo na época. Eu sempre chegava em casa de turnês e gravava músicas sozinho. Mas esse sentimento havia ido embora, eu realmente não queria escrever ou ouvir música, muito menos participar de uma banda, ou tocar.”

Então, foi estranho, quando sua vida é arrancada de você assim. Acho que ninguém pensou muito sobre o que viria a seguir. Você estava preso naquele momento. Por fim, acabei de me levantar do sofá e pensei: ‘Ok, eu sempre gostei de tocar música e sempre gostei de escrever e gravar música pra mim. Então, sinto que preciso fazer isso só pra mim.'”