Ex-integrante do Legião Urbana fala sobre briga judicial com filho de Renato Russo

Ex-baterista da banda desmentiu produtora que quer fazer o documentário do cantor

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Recentemente, o eterno baterista da Legião Urbana, Marcelo Bonfá fez uma publicação em seu Instagram recentemente, e falou do documentário sobre Renato Russo. Agora, o músico falou sobre a briga judicial que ele e Dado Villa Lobos, têm contra o filho de Renato, Giuliano Manfredini.

O projeto seria realizado pela produtora Gávea Filmes a partir do acervo pessoal do vocalista, avalizado pelo herdeiro Giuliano Manfredini.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

(FOTO: Reprodução)

VEJA MAIS: Site expõe dossiê sobre supostas traições de Nego do Borel; confira!

“COMUNICADO OFICIAL MARCELO BONFÁ E DADO VILLA LOBOS

O Comunicado Oficial postado aqui tem o propósito de expor nossa posição em relação às questões que envolvem a nossa banda LEGIÃO URBANA e a “empresa Legião Urbana Produções”.

A empresa Legião Urbana Produções nunca esteve aberta a diálogos e faz declarações que não condizem com a realidade.

Os interesses e a maneira que a empresa Legião Urbana Produções atua conflitam com os nossos interesses pessoais e profissionais e eles nos atrapalham no exercício de nosso ofício.

Todas as músicas que fizemos para a LEGIÃO URBANA têm por consequência nossa imagem pessoal intrinsicamente vinculada à elas.

Tudo que envolve a LEGIÃO URBANA tem seu valor vinculado ao trabalho realizado por nós da banda.

Tão logo o Renato faleceu em 1996 nos deparamos com as ações agressivas da empresa Legião Urbana Produções no intuito de se beneficiarem do patrimônio criado por nós.

A Legião Urbana Produções tenta agora impedir a decisão Judicial que nos reconhece o direto de uso do nome que construímos e também cobra de nós participação econômica do nosso trabalho artístico no ramo do showbusiness , sem ter investido um centavo ou qualquer energia que não fosse a contrária à realização destes trabalhos.

Eu não quero e não posso mais continuar me relacionando com meu amigo e parceiro Dado simplesmente através dos problemas causados pela empresa Legião Urbana Produções que atualmente é gerenciada por Giulliano Manfredini.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio