elton john
O astro britânico Elton John (FOTO: Reprodução)

A ex-esposa de Elton John supostamente tentou cometer suicídio apenas três dias após o casamento, enquanto estavam em lua de mel, depois que o roqueiro a informou que o casamento “não estava funcionando“.

Renate Blauel está levando seu ex-marido ao tribunal, exigindo $ 3,8 milhões em meio a alegações que sugerem que ele violou o acordo de divórcio ao publicar detalhes sobre a união fracassada de 1984 em sua biografia.

A engenheira tem se mantido discreta desde o divórcio do casal em 1988 e agora argumenta que os projetos renovaram o interesse da mídia em sua vida privada, forçando-a a gastar milhares de libras em tratamento e terapia para ansiedade.

Blauel insistiu que Elton devia estar ciente de como desenterrar detalhes de seu passado romântico causaria problemas de saúde mental, porque ela havia sofrido ataques de pânico e crises de depressão durante o tempo que passaram juntos.

Elton John é processado por ex-mulher 32 anos após divórcio - Monet |  Celebridades
Dia do casamento de Elton com Renate Blauel (FOTO: Reprodução)

VEJA TAMBÉM: Cartas de amor de Tupac Shakur e coroa de Notorious B.I.G. estão em leilão milionário

Em novos documentos legais protocolados na Suprema Corte de Londres, relatados pela BBC, Blauel revela que um ponto particularmente baixo aconteceu poucos dias depois que eles se casaram.

Ela se lembra de ter tomado uma overdose de medicação Valium depois que Elton a informou que ‘o casamento não estava dando certo e que ele queria que ela fosse embora‘ três dias depois de sua estada em St. Tropez, França.

Elton John, que agora tem uma família com seu marido, o produtor de cinema David Furnish, negou anteriormente ter violado os termos de seu acordo de divórcio ou causado qualquer “dano psicológico” a sua ex. Em uma nova declaração respondendo às últimas alegações, sua representante legal Jenny Afia insistiu: “Elton sempre respeitou a privacidade de Renate e continuará a fazê-lo.”