Ex-One Direction concordou em ficar longe do filho: “é comum eu entrar e sair da vida dele”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

De acordo com o tablóide Daily Star, Liam Payne, ex integrante do One Direction, revelou em recente entrevista que ele e sua ex-esposa, Cheryl Cole concordaram que ele deveria ficar longe de seu filho, Bear Payne, por um tempo.

O astro teria dito que a decisão foi feita em conjunto, mas por motivos diferentes. “[O período de isolamento social] é o tempo mais longo que não vejo [Bear] na sua vida. Mas discutimos desde o início e por razões diferentes, eu e Cheryl decidimos que eu deveria ficar um pouco longe”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Não é incomum eu entrar e sair da vida dele. Ele é uma criança quieta e tranquila. Não se preocupa muito com as coisas”, acrescentou.

VEJA MAIS: ‘Made In Honório’: Confira trailer da nova série de Anitta

Foto: Reprodução

Quando a criança nasceu, o casal decidiu mantê-la distante dos holofotes e evitam mostrar seu rosto nas redes sociais. “Decidimos no início de sua vida mantê-lo longe dos olhos do público. Acho que, para mim, isso também manteve a paternidade longe dos olhos do público. Eu consigo ser pai e ter uma família dessa forma, isso é completamente o oposto daquela zona [do showbiz]”, completou o ex-One Direction.

O ex-casal se conheceu em 2008, quando o cantor concorreu à versão britânica do reality “The X Factor”, onde Cheryl, que é 10 anos mais velha que Liam, era uma das juradas. Eles assumiram o relacionamento em 2016 e ficaram juntos cerca de dois anos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio