Família de Fiuk pretende processar psicóloga que o chamou de ‘boy probleminha’

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Fiuk tem protagonizado cenas polêmicas no BBB21 e chegou até mesmo a ser apontado pela web como o “vilão da edição”. Neste sábado (30), a psicóloga Manuela Xavier fez uma live para analisar os diversos participantes do reality, mas parece que a fala da profissional sobre Fiuk não agradou a família do cantor.

“Como ele se veste de mulher e acha isso legal? A máscara cai”, disse a psicóloga, que ainda completou: “Meu compromisso é com as mulheres que sofrem com a violência doméstica. O relacionamento abusivo vai extraindo muitas coisas das mulheres, como autoestima, autonomia. O relacionamento abusivo gera danos gravíssimos. E falo isso porque vivi. A minha antena apita [para comportamentos abusivos de homens].”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

(FOTO: Reprodução)

“Fiuk nunca vai chegar e te dizer que você é uma escrota ou filha da p***. Ele vai chegar e dizer que se magoou muito. Naquela situação da xepa, quando ele comeu a banana que não podia, ele quis dividir a culpa. Isso é uma característica típica de boy probleminha. É um tipo de cara que não mata no peito a responsabilidade”, adicionou.

Nos Stories do Instagram, ela ainda deixou uma série de publicações sobre o assunto fixados como destaque. Intituladas de “Boy Probleminha”, as postagens mostram atitudes polêmicas de Fiuk no BBB21.

VEJA MAIS: Karol Conká diz que Michael Jackson teve vitiligo emocional: “Queria ficar branco”

No entanto, a família de Fiuk não gostou nada da análise da psicológa e pretende tomar todas as medidas legais e cabíveis contra ela. Em conversa com a Quem, Talitha Zuppo, advogada da família, revelou:

“Ela analisou o Fiuk como se tivesse propriedade, ela usou termos baixos e expôs uma pessoa que, apesar de ser pública, não merecia isso. Ela não tem propriedade. A inscrição dela no Conselho Regional de Psicologia está cancelada. […] A Justiça vai prevalecer e ela não vai poder falar mais sobre o Fiuk ou sobre o Filipe Kartalian Ayrosa Galvão em qualquer meio de comunicação”, disse a advogada.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio