O guitarrista Eddie Van Halen (FOTO: Reprodução)

Eddie Van Halen, o lendário guitarrista e co-fundador do Van Halen morreu após uma longa batalha contra o câncer na garganta.

Fontes diretamente conectadas ao astro do rock falaram ao TMZ que ele faleceu no Hospital St. Johns em Santa Monica nesta terça-feira (06). Sua esposa, Janie, estava ao seu lado, junto com seu filho, Wolf Van Halen, e Alex, irmão e baterista de Eddie.

Segundo publicado pelo TMZ, nas últimas 72 horas a batalha contínua de Eddie na saúde foi enormemente ladeira abaixo – os médicos descobriram que seu câncer na garganta havia se transferido para seu cérebro, além de outros órgãos.

Eddie lutava contra o câncer há mais de uma década. O guitarrista estava voando entre os EUA e a Alemanha por 5 anos para receber tratamento de radiação. Embora tenha fumado inveterado por anos, ele acredita que desenvolveu câncer na garganta por causa de uma palheta de metal que costumava segurar na boca há mais de 20 anos.

Mesmo assim, ele continuou a frequentar shows e ensaiar música com seu filho, Wolf Van Halen, que – se você não sabe – se tornou o baixista do Van Halen em 2006.

VEJA TAMBÉM: Ex-namorado de George Michael processa o falecido cantor

Eddie Van Halen foi considerado um dos melhores e mais influentes guitarristas de todos os tempos.

A informação da morte do cantor foi confirmada pelo seu filho, Wolf Van Halen: “Não posso acreditar que estou tendo que escrever isso, mas meu pai, Edward Lodewijk Van Halen, perdeu sua longa e árdua batalha contra o câncer esta manhã. Ele foi o melhor pai que eu poderia pedir. Cada momento que compartilhei com ele dentro e fora do palco foi um presente. Meu coração está partido e acho que nunca vou me recuperar totalmente dessa perda. Eu te amo muito, pai.”