O cantor sertanejo Marciano. (Foto: Reprodução)

O astro do sertanejo Marciano, da dupla com Milionário, faleceu em janeiro de 2019, vítima de um infarto, e deixou quatro filhos e uma viúva. Após sua morte, a divisão da herança tem sido uma grande confusão na vida dos beneficiados. Os bens do famoso estão sendo resolvidos na justiça pelos filhos e viúva do cantor, que estão em uma verdadeira briga para conseguirem suas partes, desde que um dos filhos foi barrado no velório do próprio pai.

Conforme uma matéria exclusiva exibida no último domingo (19) no programa Domingo Espetacular, a família de Marciano está envolvida em uma briga na justiça para a divisão dos bens. O atrito começou no reconhecimento dos filhos, no qual, o cantor reconheceu só Marciany e Joseane como suas filhas, excluindo os dois filhos do meio no testamento.

Então, esses dois filhos recorreram na justiça para que realizassem um teste de DNA e conseguissem fazer parte da partilha do dinheiro e bens deixados pelo pai. A paternidade foi confirmada, mas os valores dos bens deixados por Marciano vieram à tona e os filhos afirmaram que os valores eram bem inferiores que o deixado pelo pai, que fez um grande sucesso no Brasil inteiro e vendeu milhões de álbuns.

LEIA TAMBÉM: Taylor Swift disponibiliza oito capas alternativas do álbum “Folklore”; veja!

Os rapazes recorreram à justiça acusando a viúva de Marciano, Alexandra, de esconder grande parte do patrimônio do cantor, que estava no inventário, para que os filhos não sejam beneficiados justamente. A briga pelo patrimônio permanece em segredo na justiça e ambas as partes se ofendem constantemente para que o valor dividido seja “justo”.

Confira à reportagem completa:

Antes do falecimento, o sertanejo Marciano deixou 18 músicas gravadas, que farão parte de um álbum póstumo.

As canções foram finalizadas em dezembro de 2018 com produção do próprio Marciano e arranjos do maestro Rodrigo Costa. “Ele fez questão de gravar essas canções com a orquestra, cordas, metais, coro, e tudo como ele sempre gostou. Além disso, ele disse que esse som remetia aos grandes sucessos dos anos 80 quando fez dupla com João Mineiro.” Disse a viúva Alexandra.