Filme abordará escândalo entre Justin Timberlake e irmã de Michael Jackson

Janet pode ganhar um documentário sobre o acontecimento no Super Bowl

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Há anos atrás aconteceu um acidente envolvendo a irmã de Michael Jackson, e que mudou a carreira de Janet para sempre.

Durante o show de intervalo do Super Bowl, onde Janete se apresentou ao lado do cantor Justin Timberlake, a cantora teve uma parte de sua roupa arrancada por ele. 

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Janet e Justin (FOTO: Reprodução)

A atitude do artista, deixou a cantora com os seios à mostra, e sendo assim, Janet foi ridicularizada pela imprensa na época e até precisou se afastar dos holofotes durante alguns anos.

E agora, aparentemente os mesmos produtores do documentário “Framing Britney Spears”, que foi um sucesso, e que revisitou a relação de Britney com a imprensa, pode supostamente desenvolver um documentário sobre esse momento vivido por Janet.

VEJA MAIS: Site expõe dossiê sobre supostas traições de Nego do Borel; confira!

Segundo informações do Page Six, a produtora Left / Right TV estaria trabalhando em um novo documentário, e que tem como alvo o escândalo que aconteceu em 2004.

Ainda segundo as informações do Page Six, uma fonte revelou que tudo será sobre as consequências que acabaram com a carreira da Janet, na ocasião. O filme ainda deve envolver dançarinos, estilistas e diretores. 

Com o possível documentário sobre o polêmico Super Bowl, que envolve Janet e Justin, o cantor pode ter que se desculpar publicamente novamente, da mesma forma que fez com Britney, após o documentário da artista.

Afinal, as consequências do problema com a roupa da cantora, foram atribuídas ao fato de Justin ter puxado a blusa de Janet durante o show.

Recentemente, após 17 anos do evento, Justin Timberlake abordou o assunto por meio de um comunicado, onde reconheceu sua participação no processo de difamação contra a irmã de Michael Jackson.

Em sua publicação, o ator incluiu os nomes de Britney e Janet, e pediu desculpas por suas atitudes. “Peço desculpas pelas vezes em minha vida nas quais minhas ações contribuíram para o problema, nas quais falei quando não devia, e nas quais não me manifestei em defesa do que era certo. Eu entendo que falhei nestes momentos e em muitos outros, e que me beneficiei de um sistema que é conivente com o racismo e a misoginia”, escreveu.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio