Fiuk fez “aulas de militância” antes do BBB21 e é exposto por professora

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Fiuk tem protagonizado cenas polêmicas no BBB21. Rapidamente, o famoso, que era um dos participantes favoritos da web, passou a ser considerado o vilão. Inclusive, os internautas acusam o filho de Fábio Jr. de não ter conseguido manter a “máscara” que criou para o reality.

Após Fiuk ser cancelado na web pelas atitudes com Juliette, participante do grupo Pipoca, os internautas descobriram que ele teria feito “aulas de militância” para entrar no BBB.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Tudo porque começou a circular nas redes sociais uma imagem postada pela suposta professora do astro. Via Stories do Instagram, ela publicou uma foto do conteúdo da aula, com assuntos voltados para o feminismo.

“Hoje dei minha primeira aula para o Fiuk e foi sensacional. Que possamos abrir diversos diálogos e análises incômodas. Seguimos”, escreveu ela na legenda da publicação.

(FOTO: Reprodução)

VEJA MAIS: Sem máscara, Naiara Azevedo, Sorocaba e sertanejos posam aglomerando com Bolsonaro

Depois, a professora Laís Roberta, conhecida como Robertita, admitiu ter dado aulas para o cantor.

“Sim! Foi eu que dei aulas para o Fiuk: Eu sou Historiadora, professora e criadora de conteúdo. Dou aulas particulares: para pessoas brancas cobro hora/aula. Para pessoas pretas é de graça. Nada do que ele aprendeu foi exorbitante, é o “ mínimo” da educação.”, escreveu em uma publicação no Twitter.

Ela também revelou que vem sofrendo ataques após as atitudes de Fiuk e se defendeu: “A questão é que vocês continuam reforçando a ideia do professor como doutrinador. Eu repasso conhecimento teórico, específico, ainda que humanizado. O que cada aluno, seja ele criança, adolescente, adulto, reproduz, em sua vida privada/familiar/social não está diretamente ligado a mim. Eu sou uma profissional da educação, mulher, preta, gorda, periférica. Não devo e nem tolero nenhum ataque a mim”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio