Gabriel Inácio aponta o impacto da música na forma como nos relacionamos em sociedade

Publicado em 21/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A música faz parte da vida dos seres humanos há séculos, desde o clássico até o contemporâneo, todas as manifestações artísticas têm um papel importante na sociedade, já que a música tem o poder de influenciar nossa personalidade, nosso estilo e até mesmo o nosso humor.

Em entrevista para a Rede Globo, o influenciador digital e empreendedor Gabriel Inácio aponta e ressalta a importância da música não apenas para nossa memória afetiva pessoal, mas como algo que influencia totalmente  nossos relacionamentos e na forma como vivemos em sociedade. “Hoje existe uma imensa variedade de estilos e gêneros musicais, que combinados formam a trilha sonora da nossa vida. Independente do ritmo ou estilo escolhido, o fato é que a escolha de uma música diz muito sobre uma pessoa. Muitos cientistas acreditam que a música é uma modalidade que desenvolve a mente, promove o equilíbrio, proporcionando um estado de bem-estar, facilitando a concentração e o desenvolvimento do raciocínio. No entanto, algo que hoje já está sendo estudado em universidades renomadas como Harvard, Oxford, Berklee College of Music e tantos outros campuses ao redor do mundo é que já existem evidências de que a música influi também na forma como nos relacionamos em sociedade.” 

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Boa música

Neste sentido, Gabriel Inácio, que detalha dicas de músicas, viagens e outros em suas redes sociais. Ele destaca que uma boa música é aquela que proporciona ao ouvinte uma sensação especial, que percorra suas emoções. “A boa música não deve ser qualificada de forma preconceituosa ou elitista, pois é algo que existe independente do gênero musical. Boa música é aquela que nos impacta, proporcionando-nos saborear a melodia e trazendo bons sentimentos e sensação de bem estar. 

Faça boas escolhas

Gabriel também destaca a importância de escolher a música certa nas ocasiões certas. “Ou seja, saber a música que mais irá falar ao coração dos ouvintes. Existe toda uma ciência por trás disso e é por isso que as músicas que são colocadas de fundo em lojas e estabelecimentos comerciais não são escolhidas ao acaso. Já se sabe o potencial da música, tanto para nos alegrar como nos deprimir, assim como induzir-nos a tomar atitudes, seja de comprar ou até mesmo de dar uma chance a alguém e começar um relacionamento”, conclui. 

Conteúdo produzido e enviado por Fábio Carlos

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio