Gatos de Freddie Mercury herdaram fortuna milionária do cantor

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Antes da morte, Freddie Mercury gravou um vídeo dizendo quem ficaria com a sua fortuna. O artista fez história, ficou à frente da banda Queen e é um dos mais cantores do mundo. Os gatos eram a família de Freddie Mercury que o acompanharam nos altos e baixos.

O documentário, “Freddie Mercury: A Life in his Own Words” (Freddie Mercury: Uma Vida em Suas Próprias Palavras) lançado em 2019 fala sobre isso. Nos registros, ele diz que amaria Austin até o último momento. E, afinal, foi o que aconteceu.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: Ivete Sangalo e Whindersson Nunes lançam o divertido clipe de “Coisa Linda” gravado na quarentena

Falando de Mary Austin, Mercury explicou o motivo de deixar seu patrimônio para ela:

“Caso eu vá primeiro, deixarei tudo para ela. Ninguém mais leva um centavo, apenas os meus gatos. Eu posso ter todos os problemas do mundo, mas eu tenho a Mary e isso me motiva… Eu ainda a vejo diariamente e gosto tanto dela hoje quanto sempre gostei.”, disse.

O namoro entre
Mercury e Austin durou seis anos. Ela tinha 19 e ele 23 quando se conheceram. O
relacionamento terminou quando ele teve um envolvimento com um executivo da
gravadora Elektra.

Mas a
amizade entre eles não abalou ou sequer diminuiu. Austin foi a primeira a saber
que ele tinha contraído AIDS e cuidou do cantor até seu último momento.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio