kiss
A banda nova-iorquina Kiss (FOTO: Reprodução)

Gene Simmons, vocalista e baixista da lendária banda Kiss, usou sua conta no Twitter para lamentar a postura do presidente Jair Bolsonaro em relação a vacina da farmacêutica americana Pfizer contra a Covid-19.

O músico compartilhou uma notícia do New York Post que critica a tentativa do presidente de relacionar os efeitos colaterais da vacina com as chances de uma pessoa se transformar em jacaré.

“Lá no contrato da Pfizer, está bem claro nós [a Pfizer] não nos responsabilizamos por qualquer efeito colateral. Se você virar um jacaré, é problema de você.”, disse o presidente durante um evento em Porto Seguro, na Bahia.

Gene Simmons queixa-se que não há mais estrelas rock como antigamente |  Radio TugaNet
Gene Simmons (Foto: Reprodução)

Ao ler a notícia, o vocalista do Kiss expressou seu descontentamento:

“Sem comentários! O presidente brasileiro Bolsonaro alega que vacina da Covid pode transformar pessoas em jacarés”, escreveu incrédulo.

VEJA TAMBÉM: Criador de série famosa DETONA participação de Justin Bieber: “Problemático”

Nos comentários da publicação, diversos brasileiros criticaram a postura de Bolsonaro. “Gene, é muito difícil viver no Brasil com um presidente desse. Hoje ele disse: a pressa da vacina não se justifica”, lamentou um fã em inglês. “Ele odeia os 210 milhões de brasileiros”, escreveu um internauta.