justin bieber
O cantor canadense Justin Bieber (FOTO: Reprodução)

Enquanto diversos artistas protestam pela inclusão de cantores negros nas categorias do Grammy e expõe o racismo da organização, Justin Bieber – que foi indicado 4 vezes este ano -, reclamou que não foi nas categorias que queria.

Changes foi e é um álbum de R&B. Não está sendo reconhecido como um álbum de R&B, o que é muito estranho para mim“, disse o cantor. “Não ser colocado nessa categoria parece estranho, considerando desde os acordes, as melodias, o estilo vocal, até a bateria de hip hop que foi escolhida, é inegavelmente, inconfundivelmente um álbum de R&B“.

Por conta disso, o presidente da Recording Academy, Harvey Mason Jr. resolveu se posicionar: “Arte é uma coisa engraçada porque é muito subjetiva, e na Academia, nosso objetivo é honrar a excelência“.

VEJA TAMBÉM: Ruiva, Katy Perry lança vídeo de “Champagne Problems” para projeto visual

Em algum ponto, é necessário tomar decisões sobre como comparar coisas diferentes, e é um processo muito difícil e que não acho que acertamos todas as vezes”, revelou

E acrescentou: “Nós usamos nossos melhores esforços para levar as pessoas onde elas querem e onde deveriam estar e tentamos avaliá-las da melhor maneira possível. Se ele sentiu que era esse tipo de registro, então, você sabe… vou deixar por isso mesmo“.

Justin Bieber está indicado em Melhor Performance Pop Solo com Yummy, Melhor Performance Pop de Dupla ou Grupo Intentions que conta a participação de Quavo.

Ele também foi considerado em Melhor Performance Country de Dupla ou Grupo por sua participação em 10,000 Hours de Dan + Shay e Changes está nomeado na categoria Melhor Álbum Pop Vocal.