camila cabello
A cantora de ascendência cubana Camila Cabello (FOTO: Reprodução)

Segundo artigo publicado pelo site Music Week, a gravadora de Simon Cowell que já foi lar para artistas como Camila Cabello (e Fifth Harmony), Little Mix, Susan Boyle, Noah Cyrus, One Direction e Leona Lewis está fechando as portas.

O site afirma: “Fontes confirmaram que todos os funcionários e artistas da Syco Music foram transferidos para a Sony Music ou deixaram a empresa”.

A Syco Music já havia sido parcialmente vendida para a Sony Music em 2005, mas Simon Cowell continuava envolvido com a gravadora, desempenhando papel crucial. A questão é que atualmente a Syco não tem um grande artista gerador de renda.

VEJA TAMBÉM: Após sair da gravadora de Simon Cowell, Little Mix faturou R$ 36 milhões

No começo de setembro, foi anunciado que Simon Cowell havia deixado a própria gravadora.

“Esse negócio é enorme. Simon teve que pagar uma quantia enorme para recuperar o controle da Syco Entertainment. Isso significa que ele não está mais envolvido com a Syco Music. Ela não está muito bem agora”, disse uma fonte, na época.

O último álbum de Camila Cabello, Romance, foi lançado pela gravadora em parceria com a Epic Records no fim do ano passado e rendeu diversos sucessos, como Señorita e Liar. Além disso, o projeto foi razoavelmente bem nas críticas, com uma nota geral de 71/100.