gusttavo lima
O cantor mineiro Gusttavo Lima (FOTO: Reprodução)

O músico Gusttavo Lima foi acusado novamente de roubar uma música, de um compositor. O single em questão é ‘Saudade Sua’, lançado em 2020.

De acordo com informações da colunista Fábia Oliveira. Em conversa exclusiva com o compositor que acusa o ‘Embaixador’, detalhes da polêmica foram expostos:

“Eu fiz uma música, entreguei para o Gusttavo Lima e ele tem uma equipe de compositores de muita estratégia, que acabaram catando a canção e manipulando. Isso foi em 2018. Ele não falou nada e eu acabei esquecendo da história. Um tempo depois, ele mesmo me ligou perguntando se eu queria vender a música”, disse.

Ele continuou: “Me ofereceu primeiro $ 100 mil e eu disse para ele esperar um pouco porque eu tinha oferecido para outras pessoas. Ele me ofereceu R$ 200 mil , mas pedi só mais um tempinho. No dia 14 de maio de 2020, ele lançou a música. Ele fez o plágio e registrou no nome do irmão dele, o Luciano, e de mais três pessoas”, finalizou.

VEJA MAIS: Site expõe dossiê sobre supostas traições de Nego do Borel; confira!

Todas as provas estão anexadas no processo: “Ele canta a música de ré e para ele ficar na ideia, o que ele fez foi manipular a letra, mudar algumas palavras e ficou como a minha música ao contrário para não parecer um plágio, mas quem entende de composição, percebe”. Ainda segundo informações da colunista, o compositor está pedindo R$ 80 milhões. A assessoria de Gusttavo Lima, por sua vez, disse: “Não vamos pronunciar antes de sermos oficialmente citados desta ação”.

Vale ressaltar que o músico já foi acusado de plágio outra vez, por outro compositor.