Halsey sai em defesa dos meninos do BTS, após radialista compará-los ao coronavírus

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um radialista alemão, da emissora Bayern3, fez um comentário xenofóbico ao comparar o grupo sul-coreano BTS ao vírus do COVID-19.

Porém, logo em seguida ao acontecimento, a cantora Halsey, saiu em defesa dos meninos do grupo sul-coreano: “Estou horrorizado ao ler os comentários feitos por Matthias Matuschik. O racismo e a xenofobia não podem ser velados como ‘humor no ar’. Declarações irresponsáveis ​​e nojentas em uma época em que o discurso de ódio e o comportamento violento contra as comunidades asiáticas estão disparando. Isso é inaceitável. Espero que um melhor pedido de desculpas ao BTS e às comunidades asiáticas em todo o mundo esteja a caminho.”, disse ela.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

(FOTO: Reprodução)

Entenda o que aconteceu:

O jornalista inclusive chegou a falar: “algum vírus de merda que eu espero que a vacina esteja disponível logo”.

O comentário veio após o cover que o grupo fez da música ‘Fix You’, da banda inglesa Coldplay. O radialista não gostou da versão feita pelo grupo de K-pop.

Confira o vídeo:

VEJA MAIS: Katy Perry surge de maiô pela primeira vez após dar à luz; confira!

Em seguida, a emissora publicou um comunicado:

Em resposta a opinião dada pelo radialista, a web se juntou para subir as tags RACISM IS NOT AN OPTION’ E #Bayern3Racist. A BigHit Entertainment, empresa que gerencia o grupo BTS, ainda não se pronunciou sobre os ataques.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio