Iggy Azalea relembra que Britney Spears foi impedida de promover ‘Pretty Girls’

Publicado em 27/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

As perturbadoras declarações de Britney Spears em audiência sobre sua tutela segue repercutindo no mundo inteiro. Recentemente, a rapper australiana Iggy Azalea se pronunciou sobre o assunto e afirmou estar disponível para ajudar a Princesinha do Pop.

No Twitter, um internauta cobrou Iggy por não ter se posicionado sobre o caso de Britney. Então, a rapper relembrou como a equipe da estrela pop não a deixou promover o feat entre as duas, a música “Pretty Girls”, lançada em 2015.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu disse que o time dela não a permitiu fazer promo e que eles foram até minha casa e tudo e vocês todos disseram que eu era uma hater”, escreveu Iggy.

N sequência, um fã pediu para a rapper contar o que aconteceu na época, mas ela revelou que não podia. “Eu assinei um contrato de confidencialidade e o pai dela pode e provavelmente me processaria”, esclareceu.

Iggy Azalea também disse que procurou Britney Spears e que está disponível para ajudá-la, caso a cantora precise. “Na verdade eu estou aqui para apoiar alguém de forma útil e cuidadosa. Britney disse em suas próprias palavras, ela está envergonhada até de compartilhar isso com o mundo. Se ela precisasse de mim para falar por ela, essa mensagem já foi entregue a ela. Além disso – eu estou bem.”

E continuou: “Eu fiz o que eu deveria fazer, eu a procurei. Eu não preciso falar para vocês negligentemente tudo o que estava acontecendo porque metade dessas pessoas estão aqui pelo entretenimento e não para ajudar. Eu realmente me importo e ela pode me usar se ela precisar de minha voz. Me deixem em paz, por favor.”, finalizou a rapper.

VEJA MAIS: RICA! Luísa Sonza revela que novo clipe custou R$ 1 milhão

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio