Iggy Azalea resgata o próprio passado no álbum “The End Of An Era”

Publicado em 13/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Iggy Azalea disponibilizou seu mais novo álbum, “The End Of An Era”, em todas as plataformas digitais nesta sexta-feira (13). O projeto também ganhará uma versão deluxe.

O título “End Of An Era” (“Fim de uma era) e se refere ao fim dos “20 anos” da rapper, que completou 31 anos em junho. No projeto, Iggy faz um aceno ao seu passado artísitico e pessoal.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Segundo ela, o disco é dividido em 4 segmentos. A primeira parte é mais eletrônica e experimental, já o segmento dos 24 anos entregará uma sonoridade mais pop. Em seguida, é a vez de uma melodia mais urbana e com guitarra mais pesada para representar seus 28 anos. O disco chega ao fim marcando os 30 anos da artista com um segmento que traz seu momento atual.

(Foto: Reprodução)

Recentemente, Iggy Azalea falou que pretende se afastar por alguns anos da música após o lançamento do álbum. “‘End of an Era’ é tão especial para mim porque depois de lançar meu álbum no próximo mês, vou levar alguns anos para me concentrar em outros projetos criativos e coisas pelas quais me sinto apaixonada e inspirada, além da música. Estou animada para vocês verem lados diferentes de mim no futuro”.

Ouça:

Iggy Azalea revela porque decidiu expor o pai de Britney Spears

Recentemente, a rapper Iggy Azalea abriu o jogo sobre como foi trabalhar com o pai de Britney Spears. Na ocasião, a cantora falou que o patriarca da família Spears foi extremamente abusivo com ela.

Pois bem, agora, em entrevista para à revista People, Iggy explicou o que a fez contar tudo sobre o pai da cantora: “Eu a conheço e a amo. Ela é um ícone e uma inspiração e foi tão gentil comigo que se eu puder ajudar ela de qualquer maneira, então eu quero fazer isso”.

Antes de contar sua versão sobre como foi trabalhar com Jamie Spears, Iggy já havia publicado seu apoio à Britney Spears, mas deixou claro que preferia fazer isso pessoalmente. Porém, ela explicou a mudança de atitude: “Eu apenas pensei que se eu estivesse no lugar dela, eu gostaria que meus amigos me apoiassem. Eu senti que, quer saber? Independente do que as pessoas possam pensar sobre isso, eu tenho que dizer algo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio