O compositor Diego Tavares, que fazia parte do Acadêmicos do Salgueiro faleceu na madrugada desta segunda-feira (21) vítima do novo coronavírus.

O artista estava internado há duas semanas e estava em estado grave. Ele deixou uma filha de oito anos.

VEJA TAMBÉM: Após debochar de Covid-19, sertanejo Cauan afirma: “Paguei caro pela minha ignorância”

A Salgueiro publicou em suas redes sociais uma homenagem a Diego: “Família, não gostaríamos de abrir a semana com uma notícia como esta, que nos corta o coração”.

“Diego Tavares, um dos nossos promissores poetas, infelizmente não conseguiu vencer a batalha contra o COVID”, continuou.

E evidenciou o ser humano trabalhador que o compositor era: “Sua sensibilidade foi um dos pontos fortes na confecção do samba da parceria de Antônio Gonzaga e Cia, neste momento a tristeza nos invade e nos solidarizamos com todos os amigos e familiares deste jovem compositor”.

“Pedimos, além das orações para Diego, que vocês se cuidem muito pois cada notícia desta é umsoco em nosso coração”, finalizou a homenagem.