Joelma é derrotada em disputa pelos bens conquistados com Ximbinha

Sobre divórcio, cantora revelou que o basta foi quando os filhos viram Ximbinha a agredindo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em 2016, Joelma e Ximbinha se separaram. Contudo, a partilha de bens ainda está na Justiça, a cantora lota pelos direitos aos bens que construiu ao longo da união com o músico.

De acordo com informações de Fábia Oliveira, a cantora ainda quer que a promotoria investigue o ex por inúmeras transações fraudulentas cometidas por Ximbinha, por considerar ter direito sobre os valiosos bens desviados, como imóveis, por exemplo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Segundo a colunista, a loira não tem dúvidas que o guitarrista se utilizou de seu estado civil de solteiro para registrar imóveis e, assim, não dividir a metade com a cantora.

Em fevereiro, a Justiça do Estado de Pernambuco deferiu a favor de Joelma o direito a partilha de alguns bens, como um terreno residencial de dois pavimentos, localizado na Praça Carneiro da Rocha, parte de um terreno urbano localizado em Ananindeua -PA, duas áreas de terra qual identificadas como Fazenda Ouro Verde, com área total de 1.489 hectares, situada às margens da Rodovia PA 242, a qual foi incorporada a Fazenda Santa Ana, além da posse de um lote na Alameda Morea, em Tamboré, e de outras três fazendas: Minha Princesa, Graças a Deus e Campo Verde. Joelma também teve direito a obras de arte e automóveis.

No entanto, foi indeferida a partilha de bens como um apartamento duplex, localizado em um edifício no bairro Aflitos, em Recife, um apartamento localizado em outro condomínio do mesmo bairro, um imóvel na Ilha do Retiro, também em Recife, além de outros cinco apartamentos e um imóvel inscrito no Cartório de Imóveis de Nova Timboteua.

Após primeira agressão de Ximbinha à Joelma, cantora comprou arma de choque

A cantora deu uma entrevista para Sabrina Sato e abriu o jogo sobre tudo o que viveu com seu ex-marido, Ximbinha. A musa revelou que quando foi agredida pela primeira vez, comprou uma arma de choque e não tirava da bolsa.

A loira disse ainda que o guitarrista tentou lhe agredir novamente após a separação do casal em 2015. Na ocasião, foi o próprio filho que a defendeu e não deixou que algo pior acontecesse. 

Em uma entrevista concedida à revista Quem, Joelma falou sobre seu processo de separação de Ximbinha. Além disso, a loira que é mãe de Yasmin, Natália e Yago, revelou que não quer que as filhas passem pelo que ela passou com o ex-marido.

“Acho que nosso casamento durou muito ainda, porque a gente trabalhava demais. E o trabalho era o meu refúgio. Eu aguentava, porque ali eu me refazia, me renovava, me reinventava. E isso me segurou muito na relação. Mas quando começou a afetar os meus filhos, eu disse: ‘Agora, não dá mais’. Quando é só com você, ainda dá para segurar. Como a gente passava pouco tempo em casa, eles nunca viram acontecer. Quando meu filhos presenciaram (a agressão por parte de Ximbinha), foi a gota d’água. Aí, tomei a decisão e foi a melhor coisa que fiz para não deixar acontecer com eles, o que aconteceu comigo”, relembra.

VEJA MAIS: Cantora famosa já terminou namoro por causa de Katy Perry; Entenda!

Já em entrevista ao Fantástico, a artista falou que deu voz a outras mulheres quando decidiu colocar um ponto final em seu relacionamento abusivo: “Percebi quando me separei. Chegava nos aeroportos e em vários lugares e as mulheres me abraçavam e agradeciam dizendo que salvei a vida delas. E eu ficava pasma e dizia: ‘Mas eu não te conheço’. E elas diziam que quando dei um basta, incentivei elas a tomarem a melhor decisão da vida e agora elas eram felizes e livres”, relata Joelma.

“Teve uma mulher, uma vez, que me disse que estava há 10 anos sofrendo pelo ex-marido. Isso é tempo demais! Eu consegui superar porque aprendi a perdoar. Quando você perdoa, aquela coisa horrível sai de você, junto com aquele rancor, aquele ódio. Para você ser feliz de verdade, tem que aprender a perdoar. E tem que aprender a pedir perdão também quando erra. Eu peço perdão quando erro com meus filhos. Nós somos seres-humanos imperfeitos. Aprendi que para ser feliz de verdade é preciso perdoar e pedir perdão. Mas não é uma coisa fácil. Você tem que entender que perdoar não é confiar. Perdoa, mas não precisa conviver, chegar perto”, justifica.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio