John Legend fala sobre expor perda do filho: “Era o certo a se fazer”

O pequeno Jack morreu em setembro de 2020

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sete meses após a morte de seu filho, Jack, John Legend refletiu sobre a decisão dele e de sua esposa, Chrissy Teigen, falarem sobre a perda do terceiro filho do casal.

O bebê faleceu em setembro de 2020, quando Chrissy foi diagnosticada com um descolamento prematuro da placenta.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Você sabe, Chrissy sempre é mais de compartilhar do que eu. Sou um pouco mais reservado”, disse John Legend durante uma entrevista ao programa ‘This Morning’. “Mas o que aprendi com esse processo é, antes de tudo, com que frequência isso acontece com tantas outras famílias ao redor do mundo.”

VEJA MAIS: Amado Batista põe à venda suas fazendas por R$ 350 milhões

(Foto: Reprodução)

O artista falou: “Sentimos um verdadeiro senso de comunidade ao compartilhar isso com outras pessoas. Elas se sentiram vistas por nós, nós nos sentimos vistos por elas, e acho que ajuda a todos a lidar com sua dor quando se sabe que há outras pessoas por aí sentindo isso também. Estou tão feliz que o instinto de Chrissy tenha sido compartilhar isso, porque era realmente o certo a se fazer. Acho que nos ajuda a superar isso, e acho que ajudou outras famílias passando pela mesma coisa”, finalizou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio