Jojo Todynho se revolta ao ver ataques à filha de Pocah: ‘Racismo é crime’

A filha de Pocah, Vitória, de apenas 5 anos vem sofrendo ataques virtuais

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jojo Todynho saiu em defesa de Vitória, filha de Pocah, após a menina virar alvo de ataques racistas nas redes sociais. Parte da torcida de Juliette usou o Instagram para ofender a pequena depois que a funkeira trocou farpas com Juliette no BBB.

“Hoje, quando eu abri as redes sociais e me deparei com isso, eu fiquei indignada.”, começou a campeã de “A Fazenda 12”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em seguida, ela pediu para que as pessoas separem as coisas: “Muitos não gostavam do meu jogo, do jogo de outras pessoas”. A Fazenda’ acabou, o ‘BBB’ vai acabar e as vidas irão continuar. Da mesma forma que eu não gostei de algumas atitudes da Pocah, ela também pode não ter gostado de muitas atitudes minhas em ‘A Fazenda’. Tive a minha opinião, expressei, vida que segue. Agora, vocês envolverem uma criança que não tem nada a ver com o jogo, não tem noção nem discernimento do que está acontecendo por fanatismo? Tomem vergonha na cara de vocês. Não mexam com criança“, desabafou.

Jojo Todynho também ressaltou que Vitória não está competindo o reality show e que não tem noção do que de fato está acontecendo. “A Vitória não tem nada a ver com o reality. A Vitória não tem nem noção do que está acontecendo, e eu espero sim que a equipe da Pocah, o Ronan, o Roba Cena, tomem as medidas protetivas e botem vocês que estão fazendo essa maldade na cadeia. Racismo é crime, ainda mais se tratando de uma criança. Vão caçar um trabalho, vão caçar o que fizer e parar de maluquice. Agora se vê, rapaz, parem com isso”, disparou a funkeira.

Entenda o caso

Recentemente, a filha de Pocah foi vítima de ataques racistas na web, supostamente promovidos por uma parte da torcida de Juliette Freire. Nesta segunda-feira (19), o perfil da cantora compartilhou algumas mensagens negativas voltadas à Vitória, que tem apenas cinco anos.

“Conseguiu ler tudo? Se você conseguiu ler a tudo isso sem chegar ao final com o estômago embrulhado e até certa vergonha de ser humano, pare aqui! Esse texto não é pra você”, iniciou em legenda.

VEJA MAIS: Site expõe dossiê sobre supostas traições de Nego do Borel; confira

“É louco pensar que essas mensagens, direcionadas a uma criança de 5 anos, são motivadas exclusivamente porque a mãe dela resolveu… votar em um jogo de votação, né? O que está acontecendo no mundo? O que está acontecendo com as pessoas?”, escreveram.

“RACISMO! CRIME! Um crime sendo cometido sob os nossos olhos por contrariar os gostos de um público de Reality show. DESUMANO! IMORAL!”, desabafaram.

Na publicação, há ‘prints’ que tiveram os nomes tampados, mas que eram ataques voltados à Vitória, filha da artista. “Petição pra Pocah deixar a Juliette em paz e ir pentear a bucha da filha dela”, começou um.

Os perfis dos comentários foram identificados como ‘torcida’ da advogada pelo cacto, que é um símbolo deles. Com isso, a administração do perfil de Juliette também fez questão de se pronunciar. “Atacar a filha de Pocah é um absurdo”, afirmaram.

A equipe também disse que há provas que outra torcida está se passando pelos ‘cactos’ para cometer esses comentários racistas.

“Vamos buscar ter postura e discernimento nas nossas atitudes e não ferir o próximo. Lembrando que o BBB é um jogo que mexe com vidas, mas precisamos agir com empatia e responsabilidade”, pediram.

Os administradores do perfil da artista também responderam a publicação: “Vocês são perfeitos, Família JF! Sabemos que vocês não compactuam com qualquer atitude com esse viés. Quanto aos cactos, jamais foi nossa intenção ofendê-los. E se ocorreu, pedimos desculpas. Nossa intenção de fato foi expor o conteúdo racista das publicações. Apenas isso”, escreveram.

O atual namorado da artista, Ronan Souza, também se pronunciou. “Vocês que foram no perfil da Vitória falar merda para uma criança, joga o chip fora, já achei quatro de vocês. João Pessoa, Florianópolis e dois do Rio. Já já tem tem uma surpresinha”, ele disse.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio