Julia Joia é cantora e compositora. Apaixonada pela música, está no meio musical há oito anos e lançou sua primeira música no final de 2018. “A Letter To Helena” é um pop romântico autoral dedicado a sua irmã mais nova. A carioca de 18 anos toca piano e violão, e foi com segundo o instrumento de corda que descobriu o potencial vocal aos 11 anos. A
voz marcante de Julia, assim como o sobrenome, recebe influências de grandes nomes femininos nacionais e internacionais como Demi Lovato, Amy Whinehouse, Cássia Eller, Adele, Dua Lipa, Elis Regina, Iza, Eta James e Nina Simone. Para fechar o ano, a cantora que é uma aposta no mercado pop nacional, lança o single “Íris” e o EP de mesmo título em
novembro. Em entrevista ao site, Julia fala um pouco mais sobre sua carreira e da estreia de seu primeiro disco da carreira.

– Julia, você sempre viveu de música, mas “veneno” marca a sua estreia como artista, certo? O que mudou desde o seu primeiro cover postado no Youtube até o single atual  ?

Sim, eu acho que “Veneno” marca realmente o início de tudo. E olha, tudo mudou na verdade (risos). Desde o primeiro cover eu tinha o sonho de trabalhar com música mas eu não tinha noção de nada, sabe. Meu primeiro vídeo de cover foi postado em 2011 e eu tinha acabado de iniciar as aulas de canto. Já com a estreia do meu single “Veneno”, eu já estava mais focada e preparada para isso.

– Você é muito influenciada pela cantora Lana Del Rey nos trabalhos que faz, por qual motivo a dono do hit “Doin’ Time”, lhe serve de inspiração? Assim como ela, você gosta de cantar sobre as tristezas e inseguranças da vida?

Eu sempre gostei muito da Lana Del Rey mas eu só conhecia os hits. Ela foi uma grande inspiração para o videoclipe de “Veneno” na verdade. Eu acredito que o que mais me “assemelha” à ela é o fato de falar sobre tristezas, baladas sobre vulnerabilidades do ser, mesmo. Eu me sinto muito mais confortável ao cantar sobre a raiva, a tristeza e angustias, sabe.


– O seu primeiro álbum será lançado ainda neste ano? O que você pode nos contar sobre ele em primeira mão?

O meu primeiro “EP” será lançado dia 29 de Novembro junto de um show de lançamento. E o legal é que vou celebrar o lançamento do disco junto ao meu aniversário que é dia 30 de Novembro. Esse EP traz muita coisa diferente, ele tem um conceito incrível sobre cores, sabe. Inclusive esse conceito vai me seguir durante os shows também. Eu acho que vocês não perdem por esperar para ouvi-lo. E eu to muito ansiosa pra ver o que a galera vai achar de um álbum meu, sabe. Eu só lancei single até então e agora soltar 5 faixas de uma vez só vai ser algo incrível e diferente para mim. Eu não vejo a hora de poder ler e ouvir o que o pessoal tá achando e quais são as favoritas da galera.