xuxa
A apresentadora Xuxa (FOTO: Reprodução)

Recentemente, o apresentador Sikêra Jr. criou uma polêmica envolvendo o nome de Xuxa. Durante cerca de dez minutos, o jornalista acusou a loira de pedofilia e apologia ao uso de drogas.

E a artista não deixou isso barato! Ela pediu na Justiça a cassação do título de jornalista do apresentador, sua demissão da RedeTV!, e uma indenização de R$ 500 mil – que ela pretende doar a instituições de caridade.

Contudo, segundo informações do Notícias da TV, a Justiça do Estado de São Paulo negou em primeira instância o pedido de Xuxa Meneghel para tirar do ar o Alerta Nacional, de Sikêra Jr.. Porém, logo em seguida, a loira recorreu, mas, teve seu pedido negado pela segunda vez.

VEJA TAMBÉM: Novo Freddie Mercury? Bêbado canta hit do Queen em viatura da polícia

Ainda segundo informações do portal, a juíza Glaucia Lacerda Mansutti, da 45ª Vara Cível de São Paulo, entendeu que o pedido para proibir Sikêra Jr. de mencionar o nome de Xuxa nos programas “ou qualquer referência abusiva à mesma, seja por jogo de palavras, seja por jogo de palavras, seja por codinomes, tal como ‘Dona Maria’ [da Graça, nome de batismo de Xuxa]” não poderia ser aceito pela Justiça.

Proibir o requerido [Sikêra] de mencionar o nome da autora, pessoa pública, em seu programa televisivo, o qual possui cunho jornalístico, poderia implicar censura prévia, o que também é vedado. Assim, indefiro a tutela provisória pretendida”, decidiu Glaucia Lacerda Mansutti.