Kanye West é processado por 800 funcionários e dívida pode chegar a R$ 162 milhões

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Kanye West tem passado por situações complicadas. Além do rumor de separação de Kim Kardashian e sua candidatura fracassada, o rapper agora foi processado por diversos funcionários, por falta de pagamento. 

Os trabalhadores foram contratados para serviços religiosos dominicais e realizados em diversas cidades norte-americanas em 2019. Agora, eles denunciam o artista, alegando que não receberam totalmente seus salários e nem hora extra.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Segundo informações do jornal The Sun, a dívida é de aproximadamente 30 milhões de dólares, ou seja, R$ 162 milhões.

VEJA MAIS: Site expõe dossiê sobre supostas traições de Nego do Borel; confira!

Fontes próximas asseguram ao jornal que mais funcionários e artistas irão apresentar denúncia contra Kanye. O tribunal de Los Angeles atualmente tem dois processos, o primeiro foi apresentado por 500 artistas e o segundo, por 300 profissionais da técnica.

Ainda de acordo com as denúncias, a falta de pagamento é referente a um evento particular de 2019, chamado “Kanye West Nebuchadnezzar Opera”, que aconteceu no Hollywood Bowl, em Los Angeles, Califórnia. 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio