Liam Payne desabafa sobre pensamentos suicidas durante o One Direction

Publicado em 9/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Liam Payne, ex-integrante do One Direction, falou em detalhes sobre o estado de saúde mental e a própria batalha contra pensamentos suicidas e abuso de álcool e drogas.

Em entrevista para o podcast “The Diary of a CEO”, o artista contou que passou por momentos sombrios na época em que fazia parte do quinteto. Liam disse que o abuso de drogas e álcool fez com que ele atingisse o ‘fundo do poço’, mas era bom em esconder. “Eu estava preocupado com o quão fundo meu poço seria. Onde é o fundo do poço para mim? E você nunca teria visto isso. Eu era muito bom escondendo as coisas. Ninguém teria visto”, disse.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Seu alcoolismo aconteceu no auge da fama do One Direction, como uma consequência dos artistas não poderem sair e se divertir. Segundo Liam, a única maneira segura de proteger o grupo era manter cada um em seu quarto no hotel.

VEJA MAIS: Girl From Garopaba? Gabriel O Pensador lança hit com produtor de Anitta inspirado em namorada

“O que há no quarto? Um mini bar. Então, a certa altura, pensei: ‘vou dar uma festa para mim’. E isso pareceu durar muitos anos da minha vida. Foi selvagem. Mas era a única maneira de poder se livrar da frustração”.

Questionado se, na época, ele teria tido pensamentos suicidas, Liam confirmou: “Sim. Existem coisas das quais nunca falei. Era muito, muito, muito grave”, disse o cantor. Ele ainda falou sobre o que o fez buscar ajuda: “Foi só após me ver depois (disso) que eu pensei: ‘Ok, preciso me consertar’. Existem algumas imagens minhas num barco e eu estava totalmente inchado. Chamo isso de minha cara de ‘remédios e bebida’. Meu rosto estava, tipo, dez vezes maior do que está agora. Eu não gostava muito de mim, e mudei”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio