Rennan da Penha
O DJ e produtor carioca Rennan da Penha (FOTO: Reprodução)

O DJ Rennan da Penha deve deixar a prisão nesta sexta-feira (dia 22) em Bangu 9 no Complexo de Gericinó, na zona oeste do Rio. A soltura do músico até chegou a ser divulgada pelo R7 após o TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro) revogar a prisão preventiva dele. Porém logo depois o portal virtual voltou atrás e informou apenas que ele deve deixar a prisão nesta sexta-feira após

Na última quinta-feira (dia 21), o STJ (Superior Tribunal de Justiça) já havia concedido habeas corpus para o músico. A decisão chegou a ser tomada depois do julgamento do STF (Supremo Tribunal Federal) derrubar a prisão do músico em segunda instância.

O criador do Baile da Gaiola, na Penha, zona norte do Rio de Janeiro, seguia preso desde abril deste ano. Rennan da Penha tinha sido condenado a 6 anos e 8 meses em regime fechado por alegação de associação ao tráfico de drogas, juntamente com outras dez pessoas.

VEJA TAMBÉM: MC Gui é acusado de maltratar outra criança com câncer

Considerado um dos maiores nomes da história do funk nacional e precursor do funk 150 BPM, Renan da Penha já gravou músicas com cantores como MC Livinho, Ludmilla e Nego do Borel. O DJ possui mais de 600 mil inscritos em seu canal no YouTube e acumula outras 260 mil seguidores no Facebook.