Lil Nas X revela que convidou Frank Ocean para uma parceria

O rapper de 22 anos é grande fã da voz de "Nights"

Publicado em 30/09/2021 18:44
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Lil Nas X entregou que pode lançar uma parceria musical com um de seus maiores ídolos, Frank Ocean. Os dois se conheceram pessoalmente no Met Gala 2021, onde conversaram sobre a possibilidade de uma colaboração.

Em entrevista ao apresentador Andy Cohen, no SiriusXM, Lil Nas X revelou como foi conhecer Frank Ocean, que é uma de suas maiores inspirações.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Conheci muitas pessoas incríveis [no Met Gala], mas Frank Ocean definitivamente está no topo da minha lista, porque ele representa muito para mim. E você nunca vê Frank Ocean em lugar nenhum. É como se ele fosse uma daquelas pessoas que não são reais, sabe?”, declarou.

Questionado sobre o que conversaram, ele falou sobre a possível parceria. “Nós simplesmente curtimos. Ele fazendo elogios e me dando parabéns e eu dizendo a mesma coisa para ele. Sobre como sua música moldou minha vida e tudo mais, e na esperança de colaborar com ele. Você sabe, disse isso para ele também”, contou.

Lil Nas X explica decisão de sair do armário no auge do sucesso de ‘Old Town Road’

Lil Nas X se abriu sobre a decisão de se assumir gay em meio ao sucesso de “Old Town Road” em 2019. Capa da revista XXL, o artista discutiu a importância da representação no hip-hop e sobre a própria experiência ao sair do armário.

O artista refletiu sobre a escolha de assumir sua orientação sexual quando “Old Town Road” estava quebrando recordes na Billboard Hot 100. “Sinceramente, senti que era meu dever. Especialmente se eu quisesse seguir em frente. E [continuar com] o que eu estava fazendo, porque a autenticidade é muito real, eu sinto que as pessoas podem enxergar isso. E isso é uma parte de mim.”

Lil Nas também explicou que temia que as pessoas o julgassem por “como eu agiria após se assumir”. O rapper disse que gostava dos comentários sobre como ele era ‘discreto’ em relação a sua orientação sexual, mas percebeu o que há por trás do discurso.

“É igual quando as pessoas dizem, ‘Oh, eu tenho um amigo negro’, e isso meio que se refere a tudo que tem a ver com a história e cultura negra, sei lá. Eu meio que não sou essa pessoa, sabe?”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio