luan santana
O cantor sul-mato-grossense Luan Santana (FOTO: Reprodução)

O National Geographic se une ao cantor Luan Santana, na missão de recuperar e proteger o Pantanal, com o lançamento do movimento “O Pantanal Chama”.

A campanha contará com ações para conscientizar a população sobre a atual situação do bioma brasileiro e mobilizar o público para para ajudar o instituto SOS Pantanal, que trabalha na conservação e defesa do bioma e tem atuado de forma efetiva na recuperação dos estragos causados pelas queimadas dos últimos meses.

Atualmente, estima-se que a área queimada passa dos 4.1 milhões de hectares, uma área equivalente a 27% do bioma. Para anunciar esse projeto em conjunto, a Nat Geo e o cantor vão lançar juntos um manifesto que convida o público a se engajar na ação a partir desta semana.

VEJA TAMBÉM: Filho de Vanusa chora em velório e dispara: “Só conhecem por ter errado o hino”

Entre as ações do Movimento “O Pantanal Chama” está a live musical com Luan Santana no dia 22 de novembro às 17h (horário de Brasília), que será transmitida diretamente do Pantanal e exibida por 4 horas. Durante a exibição da live no canal, um QR Code será disponibilizado na tela para que o público possa conhecer mais o trabalho da ONG SOS Pantanal.

A exploradora da National Geographic Society, Patricia Medici, também fará uma participação especial na live, contando um pouco mais sobre a importância do bioma e explicando seu novo projeto com foco em resgate dos animais e combate aos incêndios.

A transmissão será feita no YouTube e Facebook do cantor e também no canal National Geographic.

Além disso, para celebrar o Dia do Pantanal, em 12 de novembro, Luan Santana lançará o videoclipe da música; UM GRITO ENTRE AS CINZAS, composta especialmente para ser tema do projeto O PANTANAL CHAMA escrita em homenagem ao bioma.

Os fãs poderão assistir ao clipe diretamente no canal National Geographic às 21h. Em paralelo, o site da National Geographic apresenta uma showpage dedicada, na qual o público poderá acessar informações sobre o Pantanal e formas de ajudar.