ludmilla
A cantora fluminense Ludmilla (FOTO: Reprodução)

Apesar de estar vivendo uma das mais bem sucedidas fases da sua carreira, Ludmilla também vem recebendo críticas contundentes sobre uma suposta apologia ao uso da maconha no clipe de seu último single, “Verdinha”.

Numa entrevista reveladora para a revista Marie Claire, da qual é capa do mês de fevereiro ao lado da esposa, a funkeira falou pela primeira vez de maneira franca sobre o hit e deu sua opinião sobre a legalização da maconha.

Perguntada a respeito da suposta apologia no videoclipe, Ludmilla explicou que defende a liberdade de expressão e que seus advogados já estariam resolvendo os processos pelo qual ela estaria respondendo após ser alvo de ameaças judiciais de dois deputados conservadores.

A funkeira aproveitou para criticar alguns brasileiros que elogiam os Estados Unidos, mas quando o assunto é a descriminalização da maconha, nada é debatido. “Brasileiro idolatra a galera lá de fora, diz que os americanos são muito bons, e lá a parada é legalizada com organização. A loja que vende parece a Apple”, afirmou.

VEJA TAMBÉM: Vídeos sensuais de Anitta são publicados em site pornô

“Você só entra com cadastro, tem um iPad do lado de cada planta que diz se causa relaxamento etc. Chegou a hora de o Brasil dar um start e estudar uma maneira correta de fazer a coisa. Muita gente de paletó vai perder dinheiro, o probleminha está aí”, acrescentou.