Ludmilla é acusada de alfinetar Dricka após fala de Cardi B

Publicado em 1/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Atualmente, MC Dricka é uma das maiores vozes femininas do funk e, recentemente, ela foi parar na Times Square, o que abriu os olhos do mercado internacional. Durante uma coletiva de imprensa, ela revelou que tem muita vontade de lançar uma parceria com Cardi B e projetar a “batida real do funk” nos holofotes gringos.

Contudo, parece que recentemente essa oportunidade de um feat pode ter ido por água abaixo. Isso porque a funkeira participou do podcast Podpah recentemente e revelou que algumas pessoas supostamente pagavam para que Cardi ouvisse suas músicas. “Ela é braba, será que a mulher vai me notar pra me pagar um dia? Eu não quero pagar pra ela me notar”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No entanto, o que Dricka não esperava é que Cardi B fosse responder sua indireta: “Não é verdade que a primeira vez que eu ouvi funk foi quando um fã me marcou em um post de onda diferente eu comecei a ouvir os dois artistas e quando a música acabou a música embaralhou para diferentes músicas foi quando eu Hurd músicas de Kevin o Chris e tantos artista”.

Após a declaração, Ludmilla, que tem uma música gravada com a rapper, acabou se envolvendo na polêmica. Isso porque a cantora respondeu: “É por isso que eu amo a cardi não deixa passar nada”.

Na sequência, os internautas começaram a acusá-la de alfinetar MC Dricka, mas a dona de “Rainha da Favela” logo tratou de explicar que não é o caso. “Antes que isso vire uma bola de neve, porque eu já tô vendo uns querendo botar mulher preta pra se estranharem, eu fiquei feliz pela cardi ter citado onda diferente como um dos primeiros funks que ela ouviu, uma das maiores do mundo ama o funk do Brasil. Isso é motivo pra comemorar pra caralh*, só quem canta funk sabe o quanto o nosso som é marginalizado e rebaixado, então não venham distorcer as coisas”.

MC Dricka se pronunciou após fala de Cardi B

A funkeira respondeu os tuítes da rapper que está grávida: “Eu e minha boca, pqp!”, junto de emojis de risada. Em seguida ela disse: “não fofoco mais também”, junto de alguns emojis de carinhas tristes. Veja:

Desabafo completo de Cardi:

“Diferente Ao ver o videoclipe, vejo diferentes danças funk quando você pesquisa o funk dance bondes das marhavilla aparece muito e, ommmgg, eu amo tanto a música deles. Não sei muito sobre funk e seu artista e não falo português, mas adoro como faz meu corpo e espírito sentirem-se. A música é incrível, você pode não entender as palavras, o ritmo domina sua alma. Eu amo o funk”, finalizou a rapper aparentemente usando algum serviço de tradução instantânea de línguas.

Por fim, para não perder todo senso de humor, Cardi B respondeu uma internauta que falou sobre seu “Google Tradutor estar todo errado”:

“Sim, muito … Devo fazer uma anotação de voz em inglês ou espanhol? Desculpe eu não falo português então é tão difícil conectar”.

Você pode assistir a entrevista completa de MC Dricka ao podcast Podpah abaixo:

VEJA MAIS: Sucesso! Anitta é Top 5 de artistas mais ouvidas nas rádios dos EUA

Funkeira apareceu na Times Square e se disse esquerdista:

Questionada sobre se posicionar politicamente, MC Dricka respondeu recentemente que é de esquerda, pretende falar sobre política mas irá estudar mais.

“Eu já me envolvia tempos atrás, fazia bastante ocupação e viajava quase o Brasil fazendo manifestações e etc. Como eu me afastei um pouco, eu estou procurando, agora, estudar um pouco mais e revisar umas coisas novas que eu não estou sabendo. E sim, quero me representar politicamente, me impor para as pessoas. Todo mundo quer saber para onde a gente torce. Eu sou da esquerda, não vou mentir. Vou me atualizar um pouco mais para poder me representar perante a internet. É uma coisa que as pessoas pedem bastante e eu me vejo com essa oportunidade de falar para as pessoas, que não adianta a gente só cantar e não passar uma visão legal de quem não está nesse mesmo ramo. Vou me politizar, sim, bastante”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio