marilia
A cantora goiana Marilia Mendonça (FOTO: Reprodução)

Em tempos de pandemia, o mercado publicitário também vem se reinventando e passando a redirecionar investimentos para as lives que os músicos brasileiros têm feito nas redes sociais. O jornalista Leo Dias teve acesso a alguns dos valores cobrados pelo astro cearense Wesley Safadão na sua live de sábado.

Uma pequena inserção de uma marca na transmissão custou nada menos que R$ 100 mil, merchan com depoimento, R$ 150 mil, testemunhal e agradecimento: R$ 60 mil. Já os preços para mídia digital foram de R$ 80 mil e vídeo de 15 segundos, R$ 100 mil.

VEJA TAMBÉM: Polícia apreende celular de preso que estava comentando na live da Marília Mendonça

As cifras de Wesley foram consideradas medianas pro seu tamanho, para a repercussão de sua live e para o próprio mercado. Leo Dias revela que até o momento a transmissão mais cara foi a de Marília Mendonça, cujo o preço da inserção de uma marca ficou em torno de R$ 500 mil (meio milhão de reais). Vale lembrar, que a transmissão ao vivo da cantora goiana entrou pra história ao se tornar a live mais assistida da história da música mundial.

O embaixador Gusttavo Lima, segundo o jornalista, cobrou R$ 300 mil, um preço considerado “promocional”, por ser uma live pioneira. Já a transmissão dos Amigos no canal do Villa Mix no Youtube segue atualmente entre os maiores valores cobrados no mercado custando para o anunciante cerca de R$ 400 mil.