Mãe de Britney Spears contesta fortuna gasta pelo pai da cantora

Lynne não concorda com a 'fortuna' que Jamie gasta

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O polêmico caso da ‘guarda’ de Britney Spears, com seu pai, Jamie tem mais um capítulo! Isso porque a mãe da artista, Lynne, não concorda com os honorários advocatícios no caso da tutela de sua filha.

Em um documento judicial protocolado na segunda-feira e obtido pela PEOPLE, Lynne, contestou a taxa de quatro meses de 890.000 dólares do escritório de advocacia de Jamie Holland & Knight, afirmando que várias das taxas solicitadas pelos advogados de Jamie eram “processuais e substancialmente impróprio”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No documento, Lynne alegou que a empresa solicitou compensação por serviços não “realizados de boa fé para o benefício” de Britney Spears.

A mãe da artista também pediu que o tribunal revise os custos do advogado e que uma parte deles, pelo menos 224.000 dólares relacionados à comunicação do escritório de advocacia com a imprensa seja “imediatamente reembolsado”.

O documento alegou que parte do “trabalho desnecessário” da empresa constituiu em grande parte uma ‘turnê nacional da mídia’ orquestrada pela H&K para promover [a advogada de Jamie] Sra. [Vivian Lee] Thoreen e / ou para ‘combater a cobertura da mídia que lançou Spears em uma luz negativa’.

“[Lynne] se opõe veementemente à inclusão de serviços relacionados a ‘Media Matters:’ a turnê nacional de mídia em que o conselho do Sr. Spears embarcou”, dizia o documento, acrescentando que o trabalho é “diretamente contrário ao desejo [de Britney] para privacidade”.

VEJA MAIS: Site expõe dossiê sobre supostas traições de Nego do Borel; confira

“A vida da conservadora está sob o microscópio da mídia”, continua o documento. “A última coisa que ela deseja é obter qualquer benefício com o advogado de seu conservador gastando [seu] dinheiro para se promover na mesma mídia que examina tudo o que acontece com [Britney]”, concluiu.

Lynne também afirmou que o número de horas registradas foi “totalmente excessivo para os serviços relacionados a litígios” que a empresa completou.

De acordo com o processo, a solicitação de custos da empresa é de mais de 200.000 dólares a mais do que “todos os outros escritórios de advocacia combinados”, em grande parte por trabalhos semelhantes realizados.

A PEOPLE entrou em contato com os advogados de Jamie, mas eles não responderam.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio