O psicólogo e ex-BBB Victor Hugo (FOTO: Reprodução)

Victor Hugo, que ficou famoso ao participar do BBB 2020, ao que tudo indica parece, estar querendo ingressar na carreira artística. Numa entrevista dada à revista QUEM nesta semana, o psicólogo revelou que vem aproveitando a fase de isolamento social para se dedicar à música e também à escrita. “Pretendo me dedicar à vida artística. Componho, canto e escrevo novelas”, declarou.

Mesmo tendo discutido de maneira mais quente com Manu Gavassi no confinamento do programa, o maranhense contou que adoraria trabalhar em parceria com ela. “Seria um sonho gravar com a Manu”, disse o ex-brother que revelou que apesar de ter chorado na eliminação de Mari não está assistindo mais tanto ao programa pois “é muito estranho ver as pessoas e lembrar que estava com elas há um mês“.

VEJA TAMBÉM: Irmã gêmea? Garota idêntica à Anitta viraliza na web e ganha milhares de seguidores

Sétimo eliminado do BBB 20, o maranhense saiu da casa mais vigiada do Brasil após receber 85,22% dos votos. Emparedado com os queridinhos da edição Babu Santana e Manu Gavassi, o psicólogo foi bastante rejeitado pelo público batendo a porcentagem de eliminação de participantes bastante polêmicos como o ginasta Petrix Barbosa que recebeu 80,27% e Hadson Nery que saiu com 79,71% dos votos.

Na semana passada, Victor chegou a mostrar nas redes sociais uma de suas composições. No vídeo, o influencer aparece cantando na companhia de alguns amigos uma canção intitulada “A Praia e o Estandarte”.

Assista:

Na noite de terça (14), Victor Hugo Teixeira chegou a interromper uma live que fazia em seu perfil no Instagram e saiu da transmissão chorando. O psicólogo revelou ao site Notícias da TV que foi hostilizado na transmissão e criticou o linchamento virtual recebido.

“Me xingavam, eram homofóbicos, gordofóbicos”, revelou. “Os ataques foram repentinos, aparentemente as pessoas só entraram na live para isso. O pior foi depois, passei a receber muitas mensagens de ódio no privado”, revelou. De acordo com o ex-BBB, os internautas que acompanhavam a live lhe xingaram e condenaram sua aparência e orientação sexual.