glee

Na noite de ontem (8), após o desaparecimento da atriz Naya Rivera, a Santana de “Glee”, o acontecimento pode ser mais uma tragédia relacionada ao elenco do programa musical que foi sucesso entre 2009 e 2015. A atriz de 33 anos desapareceu após um passeio de barco ao lado do filho, em um rio da Califórnia. Relembre outras polêmicas que marcaram o elenco de ‘Glee’:

Acusação de pedofilia

Lea Michele em saio polêmico para Terry Richardson (Foto: Divulgação)

Era 2010, no auge de “Glee”, um ensaio fotográfico para a revista “GQ” com os atores Cory Monteith, Lea Michele e Dianna Agron foi acusado de ‘insinuar pedofilia’ por pais que acompanhavam a programação televisiva da época.

O fotógrafo Terry Richardson, investigado por denúncias de abusos sexuais, retrata Michele e Agron vestidas sensualmente, de minissaias ou apenas de calcinha.

Na época, o Parents Television Council se pronunciou sobre o caso: “inquietante que a ‘GQ’, que é uma revista explicitamente escrita para adultos, mostre fotos desse tipo de atrizes que interpretam estudantes em ‘Glee’. Beira à pedofilia”.

VEJA TAMBÉM: Vídeos sensuais de Anitta são publicados em site pornô

Morte de Mark Salling e pornografia infantil

Mark Salling em cena de divulgação de Glee. (Foto: Divulgação)

O ator Mark Salling, o Noah “Puck” de “Glee”, morreu em 2018. O corpo de Salling estava pendurado em uma árvore perto do rio Los Angeles, meses depois dele ter sido declarado culpado pela posse de imagens de pornografia infantil.

O ator chegou a ser preso em dezembro de 2015 após a polícia local onde residia encontrar centenas de registros “de menores de idade em condutas sexuais explícitas” em seus aparelhos.

Morte de Cory Monteith 

Cory Monteith (Foto: Reprodução)

Em julho de 2013, o ator Cory Monteith, que interpretava o protagonista Finn Hudson, foi encontrado morto aos 31 anos em um hotel do Canadá. As autoridades confirmaram que o ator sofreu uma overdose e faleceu após injetar heroína e beber champanhe.

Monteith era um dos personagens principais de “Glee” e par romântico da atriz Lea Michele no programa de TV. Eles também eram casados na vida real.

Acusação de bullying durante gravações

Samantha Marie Ware, da série ‘Glee’, e Lea Michele (Foto: Reprodução)

A atriz Samantha Marie Ware, conhecida por atuar em “Glee”, revelou que a protagonista da série, Lea Michele, fez de sua estreia na TV “um inferno”. O desabafo de Samatha aconteceu em resposta a um tweet de Lea Michele sobre a morte do ex-segurança George Floyd, nos Estados Unidos.

“George Floyd não merecia isso. Não foi um incidente isolado e isso deve acabar”, escreveu Lea em seu perfil no Twitter.

Em resposta a publicação de Lea no Twitter, Samantha escreveu: “Rindo muito! Você se lembra de quando fez do meu primeiro trabalho na TV um inferno? Porque eu nunca vou esquecer. Acho que você disse para todo mundo que, se tivesse a oportunidade, ‘cagaria na minha peruca’, entre outras pequenas agressões traumáticas que me fizeram me questionar sobre a carreira em Hollywood”, desabafou a jovem atriz.