Marília Mendonça compôs para sertanejo que morreu de Covid-19

Kleber deixou esposa e filha

Publicado em 6/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O cantor sertanejo Kleber Oliveira, da dupla Kleber e Kaue, morreu nesta segunda-feira (05), aos 37 anos, por complicações da Covid-19. O músico estava internado no AME Américo Brasiliense, na região de Araraquara, no interior de São Paulo, desde junho.

Bom, agora vamos falar um pouco sobre a carreira do músico, que em 2012, chegou a ganhar de presente uma composição de Marília Mendonça. Intitulada “Tô vendo que você tá bem”, conta com mais de 5 milhões de visualizações desde o seu lançamento, em 2014, no Youtube.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A dupla sertaneja lançou três DVDs ao vivo, ao longo da carreira. O primeiro, acústico, em 2017; o segundo, “Preto e Branco”, saiu logo no ano seguinte. O último, intitulado “No Quintal de Casa”, foi gravado em 2020, com poucas pessoas, por conta da pandemia de Covid-19.

Sobre a morte de Kleber:

A informação da morte foi divulgada pela Galdencio Produções, gerenciador de carreira da dupla: “É com grande pesar que recebemos a noticia do falecimento de Kleber Oliveira, conhecido como Klebinho (Kleber e Kaue). Nossos mais profundos sentimentos aos amigos e toda a família do artista.”

VEJA TAMBÉM: Empresa de cartões de crédito lançará cartão exclusivo do BTS

A atriz e cantora Mari Cybis, amiga de Kleber, postou uma foto com o sertanejo no dia 10 do mês passado falando sobre a saúde dele. Na época, ele ainda estava internado na UTI, por conta da Covid-19.

“Tá vendo esse cara aí da foto? Então… Esse foi um irmão que a vida me deu. O CLEBER. O Clébinho. Essa foto foi numa viagem que a gente fez em família, só não me lembro se foi em 2002 ou 2003, em FAMÍLIA ( a única pessoa “de fora” era ele, mas ele já era da família). Ele chegava às 10h da manhã na minha casa e só ia embora mais de 2h da manhã, a gente ficava conversando, cantando, rindo…

Ele mal sonhava em ser o Klebinho, em ser o Kléber do Kleber e Kauê. Já chorei junto com ele muitas vezes, já pensei “vc é muito sonhador” e falei “se vc quer, vc consegue”, Já briguei com ele, já joguei minha TPM pra cima dele. Pra alguns ele é arrogante, mas ele já sofreu tanto na vida, que isso é só a casca que ele usa pra não ser mais pisado por ninguém. Eu conheço o Clébinho. Sempre lutou por tudo aquilo que quis, e nunca esperou as coisas caírem do céu, quando quer algo, ele vai lá e faz.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio