Marvin Gaye: filme de astro assassinado pelo próprio pai ganha diretor

Publicado em 21/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Warner Bros comprou os direitos do filme sobre a vida de Marvin Gaye, de título “What’s Going On”, que já tem diretor escolhido: Allen Hughes. O cineasta norte-americano comandou obras co-autorais junto do seu irmão Albert e esteve por trás dos filmes “Menace II Society” e “Dead Presidents” (“Alta Jogada”).  

Todos os meus filmes, com exceção do período de From Hell (de 2001), tinham sempre alguma música do Marvin Gaye. Sempre me senti ligado a ele. Ele é o artista dos artistas com a sua voz etérea que parece vir dos céus. Tem havido grandes artistas, e depois há Marvin Gaye no seu próprio espaço“, comentou Allen Hughes à publicação Deadline. O rapper Dr. Dre integra a equipe de produtores do filme biográfico sobre Marvin Gaye. Antes do novo roteiro, a família de Gaye, detentora dos direitos autorais do cantor, tinha recusado projetos de personalidades como o cineasta Cameron Crowe, o astro dos “Sopranos” James Gandolfini e também do rockstar Lenny Kravitz.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA MAIS: RICA! Luísa Sonza revela que novo clipe custou R$ 1 milhão

O lendário cantor da gravadora Motown colecionou sucessos nos anos 60, assumindo uma posição mais autoral com o antológico álbum “What’s Going On” (de 1971) e no disco “Let’s Get It On” (de 1973). O músico teve uma vida pessoal muito frenética, marcada pela morte precoce de tumor cerebral da sua parceira de duetos Tammi Terrell, pela dependência química e por cotidiano libidinoso, da falência, de dois divórcios e, por fim, de uma discussão fatal com seu pai que terminou com Marvin Gaye sendo baleado, em 1 de abril de 1984.

Há três anos que segue o processo de seleção de profissionais para o projeto intitulado “What’s Going On”. Tal disco, aliás, celebrou 50 anos no passado mês de maio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio