MC Mirella
A funkeira paulista MC Mirella (FOTO: Reprodução)

Nesta terça-feira (15), o colunista Leo Dias divulgou uma entrevista que fez com MC Mirella antes dela entrar para ‘A Fazenda’. Em determinado momento da entrevista, ela disse que foi roubada em milhões por antiga gravadora.

Quando estava falando sobre seus planos para o futuro, a cantora disse “Eu tenho quatro anos de carreira e só consegui comprar um apartamento agora, você vê que é bem pequenininho“, Leo rebatou falando que quatro anos de carreira é muito pouco, e Mirella disse: “O mundo da música você sabe que da grana. Eu fui muito passada a perna, quando uma pessoa estoura uma música você sabe, conseguiria comprar um apartamento pequenininho.”

VEJA TAMBÉM: Carlinhos Maia revela que Luísa Sonza não tratava Whindersson bem

A funkeira continuou: “Eu estourei algumas músicas, mais de 100 milhões e meio que fui passada a perna, não recebi o que eu tinha que receber, fiquei ganhando pouco, eu fui ganhar um pouco melhor depois de 3 anos de carreira, porque me enganaram bastante.

Leo Dias então questionou se a morena achou que tinha sido roubada e quanto, então prontamente MC Mirella respondeu: “Sinceramente? Milhões, eu nunca recebi digital, fui receber por agora, depois que assinei contrato com a Warner.” “Eu acabei assinando um contrato que eu não sabia o que era, falaram que seria bom pra mim, mas não foi bom pra mim, foi bom para eles.

Vale lembrar que recentemente a cantora rompeu contrato com a GR6 e assinou com a Kondzilla.

Antes de assinar contrato com a Kondzilla, a carreira da MC Mirella vinha vivendo grandes emoções. Após entrar na Justiça contra seus empresários para romper seu contrato em juízo, depois de constantes atrasos salariais e dificuldades com o uso de sua própria imagem, a cantora voltou atrás e resolveu de maneira mais amigável. Mirella desistiu do processo e acabou renegociando seu contrato com a produtora GR6. Porém, nos bastidores do meio artístico circula a fofoca de que a proposta da Kondzilla acabou sendo indispensável.