mc rebecca
A funkeira carioca MC Rebecca (FOTO: Reprodução)

MC Rebecca lançou nesta sexta-feira (14) a música intitulada “Tu Ta Achando Que É Amor”, já acompanhado de um clipe! Com direção de Higor Cabral, a carioca exibe um visual “destruidor”, com figurinos bem ousadas. O chapéu é um dos acessórios que marca o visual da cantora nessa produção. O foco do vídeo fica na coreografia, marcando o reencontro com suas dançarinas.

VEJA TAMBÉM: As músicas mais raras e nunca antes ouvidas do Nirvana

“Tu Ta Achando Que É Amor” faz parte do projeto “Carentena”, inspirado nos tempos de isolamento social. Rebecca faz com que o público relembre a liberdade que é dançar um funk 150 bpm. A canção começa mais romântica, remetendo aos anos 90, mas logo muda e ela ironiza: “Tu tá achando que é amor? Coitado”.

Veja o novo clipe de MC Rebecca:

Confira a letra:

Foi bonito, né?
A gente se beijou
O clima esquentou
Ah, não deu pra segurar a vontade?
E aí, a gente fez
Ah cê sabe, né?
Você gostou
E eu também
Mas…deixa eu te falar uma coisa?
Tu tá achando que é amor?
É? Coitado!
Tá pensando que eu não sei que você é safado
Eu sou daquelas que senta e abandona
Admire o meu talento porque sou fodona
O mundo gira
E eu não posso parar
Se hoje eu sento aqui
Amanhã eu sento lá
Deixa eu sentar
Sento sem parar
Deixa eu sentar
Sento sem parar
Se hoje eu sento aqui
Amanhã eu sento lá
Mas pode ficar tranquila
Que um dia eu vou voltar
Deixa eu sentar
Sento sem parar
Deixa eu sentar
Sento sem parar
Se hoje eu sento aqui
Amanhã eu sento lá
Mas pode ficar na fila
Que um dia eu vou voltar
Tu tá achando que é amor?
É? Coitado!
Tá pensando que eu não sei que você é safado
Eu sou daquelas que senta e abandona
Admire o meu talento porque sou fodona (igual trem bala vem)
O mundo gira
E eu não posso parar
Se hoje eu sento aqui
Amanhã eu sento lá
Deixa eu sentar
Sento sem parar
Deixa eu sentar
Sento sem parar
Se hoje eu sento aqui
Amanhã eu sento lá
Mas pode ficar na fila
Que um dia eu vou voltar
Deixa eu sentar
Sento sem parar
Deixa eu sentar
Sento sem parar
Se hoje eu sento aqui
Amanhã eu sento lá
Mas pode ficar na fila
Que um dia eu vou voltar
Faz a fila pra eu sentar vai!
Me espera, tá?