Recentemente, o músico MC Zaac cedeu uma entrevista ao Gshow. Durante o bate-papo ele falou sobre as dificuldades que enfrentou no começo da carreira. Além também, de falar sobre o sucesso que faz atualmente.

Trabalhei em três empresas, mas eu não conseguia me dedicar 100% ao emprego nem à música. Por muitas vezes, ia trabalhar virado de um show que tinha feito no dia anterior, e esses shows eram aqueles em que eu não ganhava nada, era só para mostrar meu trabalho para o público e tentar um reconhecimento. Na época, pensava em ser conhecido ali na minha quebrada, em Diadema, era isso que eu queria.”

Fiquei nesse corre de 2011 até 2015. Quando estava pensando em desistir da música, conheci Jerry (Smith) e compusemos algumas canções, entre elas ‘Bumbum Granada’, que foi um divisor de águas na minha vida. Quando soltamos a música e estourou, eu só conseguia pensar que tinha chegado a nossa hora, finalmente tinha sido reconhecido pelo trabalho que lutei.”

LEIA TAMBÉM: Compositor critica arrogância de Gusttavo Lima após ficar milionário com hit do cantor

Mesmo vindo de família humilde, MC Zaac é extremamente grato por sua infância: “Foi muito boa. Não tínhamos luxo, mas minha mãe sempre trabalhou muito pra não faltar comida na mesa, e eu sempre tive meu irmão e meus amigos do bairro para me divertir quando não estava na escola.

A situação ficou um pouco mais apertada quando eu realmente decidi viver de música e larguei o emprego em uma firma, que havia uma estabilidade, para apostar em algo até então incerto. Mas não existe vitória sem prova e, Graças a Deus, consegui emplacar a ‘Bumbum Granada’ que estourou e me projetou para a carreira que tenho hoje. Para o menino que queria que sua música tocasse no fluxo da quebrada onde morava, até que já fui bem longe (risos)!“,

Confira aqui a entrevista na íntegra.