“Me respeitem seus arrombad*”, dispara Livinho após acusações de agressão e racismo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O funkeiro Livinho resolveu se manifestar na madrugada de sábado (dia 13) sobre as acusações de agressões físicas e verbais que se espalharam nas redes sociais nos últimos dias. O músico desabafou no Instagram e o seu principal alvo foi MC Gerex.

Eliziezer, chamei até de irmão, acreditei no sonho e nunca te deixei faltar nada. Sempre quando me procurou, eu estendi a mão. Fui empresário, fui irmão e, hoje, sou tratado como racista, mau-caráter e etc. Eu posso provar que esse aqui foi safado e talarico com a mulher do meu DJ. Lobo em pele de cordeiro“, iniciou Livinho.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM:  Saulo Pôncio anuncia fim da dupla UM44K para se dedicar à “vida religiosa”

O músico também enviou recado para a modelo Raielli Leon: “E para a outra menina, que disse que eu sou racista. Falsa, a sua máscara vai cair!”, declarou o músico que concluiu o desabafo com um palavrão e pedindo respeito: “Me respeite, seus arrombados. Eu nunca pisei em ninguém para chegar onde estou”.

ENTENDA O CASO

Pelas redes sociais, o músico MC Gerex publicou nesta semana um vídeo mostrando sua boca sangrando e fazendo uma acusação de agressão por parte de MC Livinho. A rusga entre os dois colegas teria tido início após o funkeiro reclamar que Livinho estava atrasando as gravações de novas músicas.

Acabando de sair daqui de Indaiatuba. Não falei nada para o cara e ele me agrediu na frente de todo mundo. Livinho me agrediu por nada. Nunca fiz nada!”, afirmou MC Gerex, que também acusou Livinho de ter tido comportamento violento com todos funcionários da equipe.

VEJA TAMBÉM: Mano Brown vai ao protesto sem camisa e faz sucesso nas redes sociais

“Tem dois anos estou aqui comendo banco. Ganho 1.500 reais e nunca fiz nada demais. Só queria gravar. Tinha um monte de música para soltar. Falou que a gente era parceiro. Me saudou com a paz de Deus. Olha o que ele fez no final. Sempre agrediu todo mundo da equipe, nunca tinha me agredido”, acrescentou MC Gerex.

Nos comentários dos registros publicados, Gerex recebeu apoio de inúmeros internautas, que comentaram que o músico deve procurar um advogado e entrar com um processar contra Livinho.

Além da suposta agressão física, Gerex também acusou Livinho de comportamento racista, em postagens também compartilhadas nas redes sociais. O músico compartilhou dois vídeos no IG TV. Na legenda, escreveu: “RACISMO/AGRESSÃO LIVINHO” e “RACISMO/AGRESSÃO LIVINHO – Parte 2”, respectivamente.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio