melanie b
A cantora britânica Melanie B (FOTO: Reprodução)

A cantora Mel B, ex-integrante do grupo britânico Spice Girls, revelou ter sofrido racismo mesmo no auge da fama da girlband. A artista falava sobre preconceito ao comentar a violenta morte de Gorge Gloyd, um homem negro, que morreu ao ser detido e asfixiado por um policial branco, nos Estados Unidos. Mel B narrou uma história particular que aconteceu em 1997, na África do Sul. “Me pediram para deixar a loja de roupas de grife em Sun City, quando estava com todas as outras meninas, e nos apresentando para o príncipe Charles e para o Nelson Mandela”, revelou, numa entrevista ao site Daily Star.

VEJA TAMBÉM: Maiara volta a apagar fotos com Fernando e ele desaba na web: “Vontade de fazer nada”

Mel explica que, na ocasião, suas colegas de grupo lhe defenderam. “É bem horrível pensar que sequer fiquei chocada, porque se você é escuro há sempre uma parte de você que já espera um confronto.” A artista explicou também, que depois do sucesso das Spice Girls pelo mundo, com o lançamento do videoclipe de “Wannabe”, um funcionário responsável pelo visual do grupo pediu para que a artista alisasse o cabelo. “Eu neguei na hora porque o meu cabelo era minha identidade e, sim, eu era diferente das outras meninas. Isso era o que eram as Spice Girls: celebrar nossas diferenças.”.

Mel B, integrante de las Spice Girls
(FOTO: Reprodução)