freddie mercury
O astro de origem zanzibense Freddie Mercury (FOTO: Reprodução)

Mesmo há quase 30 anos de sua morte, Freddie Mercury ainda é extremamente lembrado com muito carinho pelos fãs e principalmente pelos membros dos Queen. Mas, a pergunta que não quer calar é: Será que se estivesse vivo, o icônico vocalista ainda estaria nos prestigiando com toda sua autenticidade nos palcos do mundo todo?

Pois bem, em uma entrevista ao Express UK em 2019, Peter Freestone revelou que não achava que o astro continuaria assumindo a energia dos palcos durante a velhice. “Ele não queria envelhecer. Não acho que ele teria continuado“, pontua.  “Ele continuaria a compor, mas daria para outra pessoa tocar”. 

VEJA TAMBÉM: Mel, ex-integrante da Banda Uó lança primeiro single solo, confira

Contudo, Brian May, não concorda com este posicionamento. Em uma entrevista concedida também ao Express UK, o músico disse: “Não acho que seja verdade. Como todos nós, Freddie Mercury, teria momentos de, ‘Oh Deus, é hora de parar!’. Mas não podemos É assim que nós somos”May ainda acrescentou que “mesmo que houvesse momentos em que ele não se sentisse que seria capaz de continuar, se ele estivesse bem de saúde, ele voltaria todas às vezes para os palcos. Realmente sinto isso. A vida de Freddie era música”.