Membro do Queen revela se banda ainda existiria se Freddie Mercury estivesse vivo

"Eu não posso te dar uma resposta definitiva, obviamente, mas eu acho que ainda estaria juntos de alguma forma", disse o baterista Roger Taylor

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O baterista do Queen, Roger Taylor, foi entrevistado por Dave Everley do Classic Rock ao lado de Brian May nesta semana, e os músicos falaram sobre os 50 anos do Queen e também sobre a lendária estrela falecida, Freddie Mercury.

Freddie Mercury é uma das estrelas mais lendárias da história, e ele liderou o Queen de 1970 a 1991 por mais de 20 anos até sua infeliz morte devido ao HIV / AIDS. Ele lançou dois álbuns diferentes chamados ‘Mr. Bad Guy’ e ‘Barcelona’ como solo, e mais de dez gravações de estúdio com o Queen.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em sua última entrevista com o Classic Rock, o baterista do Queen Roger Taylor e o guitarrista Brian May, relembraram seu falecido amigo, e revelaram se o Queen ainda existiria se o cantor ainda estivesse vivo. De acordo com Taylor, é tão difícil dar uma resposta definitiva a essa pergunta, mas ele acredita que a banda ainda estaria junta de alguma forma.

VEJA MAIS: Após boicote de The Weeknd, Cardi B quebra o silêncio sobre o Grammy

“Eu não posso te dar uma resposta definitiva, obviamente, mas eu acho que ainda estaria juntos de alguma forma. Não acho que Freddie gostaria de fazer isso da mesma maneira. Eu não acho que iríamos nos apresentar ao vivo. Acho que provavelmente ainda estaríamos fazendo música – porque foi isso que fazemos. E Freddie era obcecado por música.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio