lady gaga 2
A cantora norte-americana Lady Gaga (FOTO; Reprodução)

O cantor e compositor Paul McCartney, reconhecido mundialmente por integrar a lendária banda The Beatles, falou sobre Lady Gaga e citou uma música em que os dois gravaram, mas nunca lançaram. Durante uma entrevista nova para a GQ Magazine, o nome da cantora surgiu apóster sido questionado sobre depressão e saúde mental em meio à fama e à pressão da indústria da música.

Lembro de falar com Lady Gaga uma vez sobre algo que estávamos fazendo juntos e ela dizia: ‘bom, existe a auto-aversão’. E eu pensei: ‘é a primeira vez que ouvi alguém falar disso’. E ela estava no topo, super popular e tudo que ela fazia era um sucesso, mas ela estava falando de auto-aversão. E eu disse: ‘entendo o que quer dizer, mas não permito isso. Não aceito. Não vou descer essa ladeira’“, comentou o cantor.

Paul McCartney e Lady Gaga (FOTO: Reprodução)

O ex-Beatle e a popstar estiveram juntos em um estúdio em 2015, quando ele convidou a Gaga para gravar um dueto de sua autoria para a trilha sonora de um filme animado baseado em seu livro “High In the Clouds”. Porém, a música nunca chegou a ser lançada, assim como a animação, que era prevista para estrear no Festival de Cannes, na França.

LEIA TAMBÉM: Ivete Sangalo “expulsa” filho de live e canta com marido

Paul McCartney
O cantor britânico Paul McCartney (FOTO: Reprodução)

Durante uma entrevista, Lady Gaga falou que achou que fosse um trote quando a assistente de Paul McCartney telefonou para ela. A cantora desligou o telefonema na cara dele, mas logo depois viu que tudo aquilo realmente estava acontecendo.

Em uma entrevista em 2016, McCartney falou sobre o projeto: “Eu cerquei Lady Gaga e a pedi para cantar esta canção. Acabou se tornando realmente boa, mas não podemos fazer nada com ela até que o filme seja feito. Você sente, às vezes, como se andasse em algo pegajoso. Nós fizemos um começo e, assim que recebamos uma confirmação, eu irei terminar as outras músicas e gravá-las, e há mais uma que eu gostaria que a Gaga fizesse.”